Petrobrás reduz preços da gasolina e do diesel

A Petrobras anunciou nesta sexta-feira um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 0,70% no preço da gasolina nas refinarias e recuo na mesma porcentagem no preço do diesel. Os novos valores valem a partir deste sábado

9 comentários:

Anônimo disse...

A dívida e a mentira do déficit da Previdência, segundo Maria Lúcia Fattorelli.
Aqui:
http://www.tribunadainternet.com.br/a-divida-e-a-mentira-do-deficit-da-previdencia-segundo-maria-lucia-fattorelli/

Anônimo disse...

NA realidade o aumento era menor, mas, mandaram maior como sempre!

Agora baixaram quase metade!

O somatório pegando como aumento 1% alinhando os valores que variam para cima e para baixo no geral 12% no ano 2017 acima da inflação dita real!

http://www.investir-petroleo.pt/artigo/cotacao-barril-petroleo.html

Anônimo disse...

AGORA VAI...

Manoel Da Silva Policarpo disse...

Isso é uma palhaçada. Governo corrupto

Anônimo disse...

Estratégia militar, hum passo para trás e dois para frente e assim vai avançando. 0,70 para baixo e 1,40 para cima, assim vai aumentando e o povo pagando a conta, legado, dos 13,5 anos de incompetência e corrupção.

Anônimo disse...

Gasolina ultrapassa R$ 5,00 no Rio de Janeiro

12 de janeiro de 2018 - DCM

O preço do litro da gasolina cobrado em postos no Município do Rio ultrapassou R$ 5. Pesquisa da Agência Nacional de Petróleo (ANP) revelou que o valor máximo chegou a R$5,099 em alguns pontos. O levantamento foi feito entre 31 de dezembro e 6 de janeiro. E o estabelecimento que vende acima de R$ 5 fica no Humaitá.

A pesquisa revela que outros três postos estão com preços próximos de R$5: em Botafogo (R$ 4,969); em Copacabana (R$ 4,975); e na Lagoa (R$ 4,986).

.x.x.x.

PS:

Enquanto os brasileiros pagam mais de R$ 4 pelo litro da gasolina no posto da Petrobras nas cidades de fronteira, o mesmo combustível, da mesma companhia, do outro lado da fronteira, chega a ser vendido a R$ 2,50. Uma variação de quase 40%.

Não é de hoje que a fronteira entre o Brasil e o Paraguai tem atraído milhares de motoristas brasileiros por conta do combustível mais barato.

Segundo a Global Petrol Prices, na segunda semana de janeiro de 2017, o preço médio da gasolina no mundo foi de 1.01 U.S. Dollar, enquanto no Brasil passa de 1.18 U.S. Dollar. O maior valor é registrado em Hong Kong, na China: 1.01 U.S. Dollar. O menor, na Venezuela, 0,01 U.S. Dollar, R$ 0,03, já que o país é o maior produtor de petróleo da América Latina e o quinto do mundo.

Anônimo disse...

Combustível tá caro mesmo, mais o culpado é o Perda Total que nos 13 anos que estiveram à frente do Governo assaltaram os cofres da Petrobrás. Muitos dos que reclamam dos preços hoje foram coniventes com o assalto, sequer saíram às ruas para tirar a Dilmandioca.

Anônimo disse...

Combustível tá caro mesmo, mais o culpado é o Perda Total que nos 13 anos que estiveram à frente do Governo assaltaram os cofres da Petrobrás. Muitos dos que reclamam dos preços hoje foram coniventes com o assalto, sequer saíram às ruas para tirar a Dilmandioca.

Anônimo disse...

Pois é!!! No fundo estamos pagando o rombo dos desgovernos petistas que por pouco não quebrou a Petrobrás. A estatal está sendo reconstruída, o melhor caminho é a privatização, assim evita o emprego de cabide e os assaltos como os ocorridos nos últimos 13 anos da era perdida.