Hackers paralisam sistema da prefeitura de jóia, sequestram arquivos e exigem US$ 4 mil em bitcoin como resgate

Este tipo de ataque ocorre normalmente em grandes capitais.

A Polícia Civil confirmou ontem que está investigando o primeiro caso de pedido de resgate em bitcoin (moeda virtual) no Rio Grande do Sul, crime que ocorreu durante a madrugada de segunda-feira, mas que somente ontem foi noticiado.

.Os criminosos virtuais invadiram o sistema da Prefeitura da Joia, no Noroeste do Estado, e pediram 4 mil dólares em bitcoin para liberarem os arquivos do Executivo municipal. 

O ataque foi enfrentado sem pagamento de resgate.

11 comentários:

Unknown disse...

Explica como Políbio: é Utilidade Pública!!!

Unknown disse...

Não bastasse o PT atravancando a vida da nação...

Anônimo disse...

Como se não bastassem os ladrōes assassinos, temos agora os virtuais... FORCA NELLES !

Anônimo disse...

Dizem que foi o Hacker do PTB de Porto Alegre.
hahahahaha

Anônimo disse...

>>

Não. Os "hackers" não invadiram os servidores da prefeitura de Jóia.

Aconteceu apenas que um despreparado funcionário abriu seu correio eletronico e baixou um arquivo desses que chegam a todo momento em nossas caixas postais informando que precisamos trocar a senha do banco e outras coisas assemelhadas.

Esse processo se chama "phishing", que nada mais é do que o processo de convencer um otário a baixar e instalar um software, ou malware, em seu computador.

Uma vez intalado pelo otário, o software compacta tudo o que encontrar nas pastas "meus documentos", "minhas fotos" e etc., na sequencia ele deleta os arquivos e você não conseguirá recupera-los porque o arquivo compactado, ou "zipado", exigirá uma senha para isso.

Os tais "hackers" então, através de um aviso que é mostrado quando o otário tenta descompactar o arquivo, solicitam dinheiro para fornecer a senha.

Na verdade, pagando ou não, voce nunca mais irá recuperar seus arquivos.

Bem simples.

<<

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Esses bandidos terão o castigo merecido assim como tiveram uns que pilharam o banrisul em cerca de 500 milhões já faz um bom tempo.Lá do Ceará fizeram e se julgavam livres e ricos, mas a mais competente POLÍCIA JUDICIÁRIA desse país os colocou na cadeia.

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Esses bandidos terão o castigo merecido assim como tiveram uns que pilharam o banrisul em cerca de 500 milhões já faz um bom tempo.Lá do Ceará fizeram e se julgavam livres e ricos, mas a mais competente POLÍCIA JUDICIÁRIA desse país os colocou na cadeia.

Nero disse...

Isso só acontece quando não se faz backup externo e, claro, guarda-se o backup em local distinto!
Claro que backup na "nuvem" não resolve, pois os hackers vão acessar. Tem gente que acredita na nuvem... vive com a cabeça no mundo das nuvens isso sim.
Nada supera um backup em HD externo guardado em outro local... Só um data-store confiável é melhor... mas envolve custos...

Anônimo disse...

Avisa a esses hackers imbecis que 1BTC custa US$ 14,000.00!

Anônimo disse...

Ai tem, e não acredito muito neste negócio de hackers neste caso.

Anônimo disse...

Castigo no caso do Banrisul ? Tá livre e com foro privilegiado.