Opinião, Rodrigo Hidalgo, Paraná Pesquisas - Como fica o dia seguinte para os deputados do Sul e do Nordeste

A votação de ontem evidencia a falta de sintonia entre o Congresso e a Opinião Pública. Os deputados do Nordeste, região na qual o Lula lidera as pesquisas de intenção de voto, salvaram o mandato do Presidente Temer, enquanto os deputados do Sul, onde o anti-petismo é mais forte, a situação foi inversa. Essa dissonância mostra que o Congresso age mais em função do jogo político do que por quem os elege. 

Agora, será necessário saber como a opinião pública irá cobrar essa conta nas urnas.

19 comentários:

Anônimo disse...

90 por cento da população é contra o temer.
Isso será cobrado nas urnas.

Anônimo disse...

SIM, MAS O ÚNICO PARTIDO ONDE TODOS OS VOTOS FORAM CONTRA TEMER É O PT!! E AINDA TEM NÓ CEGO DIZENDO QUE LULA E O PT QUERIAM LIBERAR TEMER!! SE QUERIAM, POR QUE VOTARAM CONTRA ELE? É MUITA ANÁLISE FURADA!!!

Anônimo disse...

OS NOMES daqueles que ficaram ao lado do PT, votaram com o PT, terão gravados e alvo de anti propaganda política boca a boca em 2018!

Anônimo disse...

Estava surpreso positivamente com a postura do Fogaça.
Ontem ele me decepcionou pela falta de firmeza

Anônimo disse...

TODOS OS QUE VOTARAM A FAVOR O TEMER PERDERÃO O SEU GALARDÃO SÓ RICO VOTA NELE COMO A MAIORIA É POBRE TRABALHADOR QUE VÃO TER QUE RALAR PARA SE APOSENTAR ADEUS PMDB.

Anônimo disse...

Anonimo 16:03

Discordo que 90 % da populacao eh contra Temer. O pessoal esta preocupado em trabalhar e produzir.

90 % da rede Globo e do PT e' contra Temer, ai sim e' verdade.

elias disse...

Esse nosso povo, semana que vem, nem lembrará que houve essa votação, que fará quem votou!

O encantador de jumentos, uma tal de novededos, o maior ladrão da história mundial ainda tem votos aqui no bananão!

Anônimo disse...

Ao anônimo das 16:15:
Mesmo quem votou "não" apoiou Temer, pois deu quorum. No fundo, foi um grande teatro.

Anônimo disse...

Em politica se engole sapo hoje para expelir amanhã. Hoje o Temer é o sapo a ser engolido, e a sua hora chegará quando entregar a faixa. Felizmente a grande impopularidade do governo Temer (por ignorância do eleitor), é o motor das reformas que a nação necessita. Como não tem nada a perder, tudo que no futuro ganhar será lucro. Confio que a história ainda fará justiça, elogiando a gestão de um politico corrupto. De presidentes com popularidade o Brasil já sofreu o suficiente.

Anônimo disse...

Mentira!

O "FORA TEMER", puxado pelos filhos-da-puta petralhas, como a CUT,ficaram VAZIOS, porque os brasileiros não se misturam com esses assassinos bolivarianos!!

Luladrão está financiando todas estas mortes na Venezuela!

Luladrão é o CARRASCO e uma vergonha para o Brasil!!!!!!!!

Noutros países da América do Sul, os bandidos bolivarianos presidentes, financiados com nosso dinheiro e roubado por Luladrão e Dilmaléfica, já foram presos, e o Luladrão chefe da quadrilha ainda não foi preso!!!

Anônimo disse...

Nas recentes eleições de 2016, 90 por cento dos brasileiros deram um PÉ-NA-BUNDA do PT =
= Partido dos TRAIDORES!

FOI UMA DERROTA TOTAL em 2016,
- 90% demitiram o PT e seus partidinhos comprados!!

Isso só prova que o PT já estava morto em 2016, antes mesmo de todas as delações premiadas dos amigos ricos do Luladrão.

Imaginem agora, e nas eleições de 2018, com tudo que o
povo soberano brasileiro já descobriu desses impostores ladrões, que nem ideologia têm!!


Instituto Paraná é do Luladrão.

Rodrigo HIDALGO é nome de ÍNDIO ESPANHOL, DE BOLIVARIANO!!

Com certeza NÃO É BRASILEIRO!!

AINDA TEM MANÉ QUE ACREDITA EM INSTITUTOS FALSOS?????

Anônimo disse...

Eu já parabenizei e agradeci por e-mail a minha deputada Yeda Crusius que votou SIM.
Tacale pau, Temer.
Adiante com as reformas!

Anônimo disse...

a populaçao é contra temer pois ele era vice da dilmandioca lixo como ela corremos com o pt agora adeus temer

Anônimo disse...

ninguem apoia temer ele apenas escapou por causa do pais mas em 2019 vai ser investigado e que seja preso se for culpado assim como dilmanta e 9 dedos

Anônimo disse...

Cala edta sua boca coxinha safado defensor de vagabundo...És igual aos petralhas que defendem o vagabundo barbudo..Tão cego e trouxa..ou safado quanto estes últimos..Iludido ou sem vergonha...fdp!

Mata Viva disse...

CONTA NAS URNAS O CARAMBA, O POVO TA PREOCUPADO COM A ECONOMIA O RESTO É PROSA FIADA DE TORCEDOR COMUNISTA, VAI TI CATAR.

Anônimo disse...

Onde vai ser feita esta pesquisa? No Projac ou na CUT????

Justiniano disse...

Os mortadelas e os presuntos estão sem saber o que fazer, porque o baba ovo e pelego do Janot, está apavorado porque não segura mais as denuncias contra Lula e Dilma e como disse Lula quando indiciado que aquele "filho da puta ia tomar no..." estava na PRG porque colocou-o lá.

Assim não poderá mais engavetar as delações porque o trator Dodge vem aí para liberar todas as delações, incluindo a do Léo Pinheiro que vai estraçalhar com o Lula, porque Janot segurou o que pode e será liberada pela Dodge.

Anônimo disse...

CHEFE DO EXÉRCITO VAI ÀS REDES E CRÍTICA CAOS FISCAL DE TEMER E MEIRELLES:

O general Eduardo Villas Boas, comandante do Exército, usou seu perfil no Twitter para criticar o aperto orçamentário que a força terrestre está sofrendo; a instituição está enfrentando um grave contingenciamento de recursos que, segundo fontes militares, está praticamente paralisando os programas estratégicos do Exército, como o Sisfron, sistema de vigilância de fronteiras; contingenciamento de recursos é resultado do caos econômico de Henrique Meirelles e Michel Temer: enquanto Meirelles produziu um rombo anual de R$ 160 bilhões e estourou a meta, Temer gastou R$ 13,4 bilhões só pra se salvar; com isso, governo agora é obrigado a cortar em serviços básicos, como a defesa do País.

4 DE AGOSTO DE 2017

247 - O comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, usou as redes sociais para criticar o aperto orçamentário que a força terrestre está sofrendo. A crítica foi feita nesta quinta-feira, 3, em seu perfil no Twitter. Os recursos hoje disponíveis nos caixas do Exército são suficientes para que se chegue apenas até o mês de setembro.

“Conduzo seguidas reuniões sobre a gestão dos cortes orçamentários impostos ao @exercitooficial. Fazemos nosso dever de casa, mas há limites”, disse o general no microblog, ao falar sobre as dificuldades que a instituição está enfrentando e o grave contingenciamento de recursos que, segundo fontes militares, está praticamente paralisando os programas estratégicos do Exército, como o Sisfron, sistema de vigilância de fronteiras.

A principal queixa dos militares é de que o governo federal impõe seguidas missões ao Exército em todas as áreas, mas a equipe econômica não repassa os recursos necessários para o desempenho dos trabalhos. A última delas foi no Rio, com uma nova ida de tropas para as ruas, para tentar oferecer segurança à população.

As informações são de reportagem de Tânia Monteiro no Estado de S.Paulo.

PS: ]Bom sinal, até o EB já está perdendo a paciencia com O traíra. Caminho para Lula2018 está bem pavimentado. Agora é administrar os fracassos das panelas e esperar 2018 com paciência.