Militares do Forte Paramacay foram às armas contra Maduro, mas o levante foi sufocado em poucas horas

Um grupo de militares na base militar Forte Paramacay, no norte da Venezuela (cerca de 180 km de Caracas), promoveu um levante neste domingo (6) contra o governo de Nicolás Maduro.

O levante foi sufocado em poucas horas, antes das 11h, hora do Brasil, segundo anunciou o mais importante líder bolivariano depois de Maduro, no caso o bandido político Diosdato Caballos.

Os militares rebelados reconheceram a autoridade da Assembléia Nacional, de maioria oposicionista, pediram apoio ao povo e avisaram que querem acabar com a tirania.

CLIQUE AQUI para saber tudo e examinar fotos e vídeos sobre a rebelião.
CLIQUE AQUI para ler, também, El Universal.