MEC autoriza medicina para Unisinos e Feevale

O MEC autorizou hoje o início do funcionamento dos cursos de medicina da Feevale (Novo Hamburgo) e Unisinos (São Leopoldo).

Outros nove cursos iguais foram autorizados para outros Estados.

11 comentários:

Anônimo disse...

Agora vou tirar o curso de Medicina.

Anônimo disse...

Pagaremos com a nossa saúde e, quiçá, com a vida, por esse desatino de liberar faculdades de medicina a esmo, sem as menores condições de formação. Esses locais terão hospital-escola? Temos mais faculdades de medicina que os EUA, que possui 50% mais habitantes que o Brasil. Por aí, podemos medir o tamanho do desatino!

Anônimo disse...

A quem interessa essa proliferação de "escolas" médicas? A população é que não é. Mais faculdades caça-níqueis faturando...

Anônimo disse...

Para que mais Faculdade de Medicina? Já temos o suficiente e formam excelentes médicos. Não há recurso para o ensino básico, agora esse desatino por Medicina. E nossos jovens sem escolas básicas. Que país é esse?

Anônimo disse...

A máfia branca desesperada com a diminuição da sua reserva de mercado.

Anônimo disse...

Hospital-escola acompanha?

Ricardo A. N. Dornelles disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Unknown disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

O Lula e a Dilma liberavam faculdades de direitos, por que será?
No mundo, sem o Brasil, temos 1260 faculades de direito, no Brasil tem 1440!!!!!!