Janaína Paschoal pede que EUA embargue as compras de petróleo da Venezuela

Trump congelou os bens e ativos financeiros de Maduro existentes nos EUA, mas precisa garrotear o governo bolivariano de uma vez por todas.

A advogada Janaina Paschoal, autora do parecer que ajudou a derrubar o governo corrupto de Dilma Roussef, mandou uma série de tuítes em inglês na manhã desta terça-feira para o presidente dos EUA, Donald Trump, pedindo que o americano interfira na situação da Venezuela, que vive grave crise política.

"Corte as compras de petróleo", pediu Janaína Paschoal

Embora as mensagens de Janaina tenham chamado a atenção no Brasil, onde se tornou um dos assuntos mais comentados na rede social, Trump ainda não respondeu a brasileira.

Nas primeiras mensagens a advogada se apresenta como uma das responsáveis pelo pedido de impeachment de Dilma e pergunta o que o presidente dos EUA irá fazer em relação à prisão de Leopoldo López e Antonio Ledezma, opositores que foram detidos nesta terça. Janaina também diz que os ex-presidentes Lula e Dilma, ambos do PT, são responsáveis pela "ditadura estabelecida na Venezuela".

19 comentários:

Anônimo disse...

Ata, depois da compra explícita de deputados ontem no congresso pra salvar governo corrupto ela resolve se preocupar com a venezuela!

Anônimo disse...

Não tomou o remedinho de novo?

Unknown disse...

Assim como o nazismo, o comunismo deveria ser combatido por toda a humanidade!!!
O nazismo foi responsável pelo Holocausto judeu...
O comunismo, pelo Genocídio Branco de inúmeras nações, inclusive o Brasil!!!

Unknown disse...

Genocídio Branco = Genocídio Social

Anônimo disse...

Nos EUA há diversas refinarias que processam o petróleo venezuelano, mais pesado que o do Oriente Médio e exigindo uma tecnologia diferente. Obviamente, o governo norte-americano não vai suspender as operações dessas refinarias, portanto as aquisições do produto continuarão.

Anônimo disse...

O governo corrupto venezuelano é igual ao governo corrupto brasileiro, inclusive os judiciários dos dois países são absolutamente iguais.

Anônimo disse...

Essa bruxa tem ser baixada em um hospital psiquiatrico, passou dos limetes, passou da fase da loucura para a demencia.

Anônimo disse...

PARABENS A JANAINA ELA JA VEM FALANDO A TEMPO PRA TRUMP TOMAR UMA POSIÇAO MAIS FIRME CONTRA AQUELE DITADOR BOLIVARIANO ASSASSINO MADURO DEFENDIDO PELA RÉ DO PT A LADRA DE IDOSOS

Anônimo disse...

PARABENS linda janaina

Anônimo disse...

Essa Janaina quer mídia já que para Playboy ela não serve. Vá pastar abostada.

Anônimo disse...

Se essa aí se indignava com as pedaladas fiscais da Dilma, imagino que deve estar mais enraivecida ainda, com as notícias de corrupção envolvendo o Temer...

Anônimo disse...

Esse partido corruPTo que apoiava o hugo chaves, continua apoiando a ditadura do maduro, mesmo já tendo assassinado 126 pessoas só este ano, de abril em diante.

- O povo venezuelano, tá passando fome, pior do que em Cuba, nem com dinheiro no bolso, encontram alguma coisa prá comprar. Dizem que o consumo de papel higiênico caiu drasticamente, por motivos óbvios, não tendo o que comer, é lógico que não precisa de papel prá aquilo.

Anônimo disse...

Parabéns à Janaína, eu adoro essa mulher! Será que ela tá solteira?

Anônimo disse...

Não se tinha noticia de Venezuelano de Maduro bostando texto na Sala do Polibio, É CONTAR O NUMERO DOS SOCIALISTAS acima!

Anônimo disse...

Exatamente

Anônimo disse...

Eu quero ver o maduro pilotado pelo povo!!! Assim como o luladrao e dilmanta.

Anônimo disse...

CHEFE DO EXÉRCITO VAI ÀS REDES E CRÍTICA CAOS FISCAL DE TEMER E MEIRELLES:

O general Eduardo Villas Boas, comandante do Exército, usou seu perfil no Twitter para criticar o aperto orçamentário que a força terrestre está sofrendo; a instituição está enfrentando um grave contingenciamento de recursos que, segundo fontes militares, está praticamente paralisando os programas estratégicos do Exército, como o Sisfron, sistema de vigilância de fronteiras; contingenciamento de recursos é resultado do caos econômico de Henrique Meirelles e Michel Temer: enquanto Meirelles produziu um rombo anual de R$ 160 bilhões e estourou a meta, Temer gastou R$ 13,4 bilhões só pra se salvar; com isso, governo agora é obrigado a cortar em serviços básicos, como a defesa do País.

4 DE AGOSTO DE 2017

247 - O comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, usou as redes sociais para criticar o aperto orçamentário que a força terrestre está sofrendo. A crítica foi feita nesta quinta-feira, 3, em seu perfil no Twitter. Os recursos hoje disponíveis nos caixas do Exército são suficientes para que se chegue apenas até o mês de setembro.

“Conduzo seguidas reuniões sobre a gestão dos cortes orçamentários impostos ao @exercitooficial. Fazemos nosso dever de casa, mas há limites”, disse o general no microblog, ao falar sobre as dificuldades que a instituição está enfrentando e o grave contingenciamento de recursos que, segundo fontes militares, está praticamente paralisando os programas estratégicos do Exército, como o Sisfron, sistema de vigilância de fronteiras.

A principal queixa dos militares é de que o governo federal impõe seguidas missões ao Exército em todas as áreas, mas a equipe econômica não repassa os recursos necessários para o desempenho dos trabalhos. A última delas foi no Rio, com uma nova ida de tropas para as ruas, para tentar oferecer segurança à população.

As informações são de reportagem de Tânia Monteiro no Estado de S.Paulo.

PS: ]Bom sinal, até o EB já está perdendo a paciencia com O traíra. Caminho para Lula2018 está bem pavimentado. Agora é administrar os fracassos das panelas e esperar 2018 com paciência.

Anônimo disse...

Com relação ao achaque de dinheiro público e privado perpetrado pelo traira/PMDB, aecio/PSDB a jurista não vai se manifestar.

Anônimo disse...

Parabéns Janaina.
Não te importes com uns abostados cuministas. Os remanecentes coneçam com "U" na primeira vogal de seus nomes...