Bloqueio de bens e R$ 9 milhões de Lula mira recuperar ‘produto do crime’, diz Procuradoria

Uma cobertura de R$ 1,5 milhão neste edifício de São Bernardo, pertencente a Lula, foi confiscada.

Segunda instância do Ministério Público Federal diz que medida é 'absolutamente legal' e defende perante Tribunal Regional Federal da 4.ª Região manutenção do confisco decretado pelo juiz Moro, conta a repórter Julia Affonso e Ricardo Brandt no Estadão de hioje.

Leia tudo:


A Procuradoria Regional da República da 4.ª Região afirmou ao Tribunal Federal da 4.ª Região (TRF4), Porto Alegre, que o confisco de bens do ex-presidente Lula é ‘absolutamente legal’. O parecer foi dado em mandado de segurança da defesa de Lula na 2.ª instância contra o bloqueio decretado pelo juiz Sérgio Moro, da Operação Lava Jato.

“A decisão combatida decretou o sequestro dos bens do ex-presidente para recuperação do produto do crime e o arresto dos mesmos para garantir a reparação dos danos”, afirmou o procurador regional da República Mauricio Gotardo Gerum.

Por ordem de Moro, em 14 de julho, o Banco Central bloqueou R$ 660 mil, três apartamentos e um terreno, todos os imóveis em São Bernardo do Campo, Grande São Paulo, e também dois veículos do petista. O ex-presidente sofreu, ainda, o embargo de aplicações na previdência no montante de R$ 9 milhões.

CLIQUE AQUI pra ler mais.

21 comentários:

Anônimo disse...

Certíssimo! Tem o Brasil, todo o direito de fazer retornar alguma coisa de tantos roubos do PT e do lulopetismo. Isto que Moro confiscou para o Brasil ainda é muito pouco!

Unknown disse...

O mais 'onesto' é surrealista!!!
Só militonto abostado para acreditar nelle!!!
São os 'pombos' definidos por Lobão!!!

Paulo W. Helmich disse...

Lula está sendo acusado (e já foi condenado numa das ações) de ter se LOCUPLETADO PESSOALMENTE com PROPINAS recebidas de empreiteiros CORRUPTOS que ROUBAVAM O POVO durante os governos do PT, com a ajuda de PETISTAS e asseclas que o próprio Lula NOMEOU!!! Isso é gravíssimo, tratando-se de um ex-presidente!!!

Anônimo disse...

Dá uma olhada nessa notícia Políbio:
‘Vou ganhar e fazer a regulação da imprensa’, diz Lula em evento na UFRJ
https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/08/11/lula-e-dilma-discursam-na-ufrj.htm

Anônimo disse...

https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/08/11/lula-e-dilma-discursam-na-ufrj.htm

Anônimo disse...

Voce quer dizer2 cobertura em Sao bernado ? E os milhoes das palestras fantasmas paga a lula pela odebrechet

Anônimo disse...

Mais uma cobertura?
Afinal,quantas ele tem?
Sabe-se que Lula até 2003 era simples lider sindical,até se eleger.
Ou seja,num período de dez,quinze anos,fez aquilo que um profissional graduado não conseguiria juntar ao longo de toda sua existência.
Fez uma fortuna.
E tem gente que não acredita que ele roubou.

Anônimo disse...

O que significa bloquear o apto? O petralha pode coontinuar morando la, usufruindo do bem? Ele deveria ser retirado do imovel.
Mas conhecendo a pseudo justica brasileira, aquela na qual precatorios nao sao pagos e causas contra poderosos se arrastam por mais de 20 anos, sei que nada vai acontecer. A pseudo justica brasileira existe para pagar altissimos salarios a juizes e para proteger poderosos.

Anônimo disse...

Estou esperando , Lula afirmou que iris por conta propia a prisao se fosse comprovado crime

Anônimo disse...

Enquanto isso....

JOESLEY ENTREGA CONTAS DE SERRA NO EXTERIOR
Valter Campanato/Agência Brasil
Dono da JBS foi à PGR na semana passada entregar detalhar depósitos em uma conta no exterior ligada ao tucano; o empresário entregou aos investigadores o banco, a agência e os extratos da movimentação; diferentemente da "conta de Lula e Dilma", que estava no nome do próprio empresário e que o Ministério Público disse ser "incomprovável", neste caso a conta era realmente de José Serra.

12 DE AGOSTO DE 2017

247 - O empresário Joesley Batista entregou aos investigadores da Lava Jato provas de uma conta bancária no exterior ligada a José Serra.

Segundo a coluna Radar On-Line, da Veja, o dono da JBS foi na semana passada à Procuradoria Geral da República entregar provas da conta, como o detalhe de depósitos, o banco, a agência e os extratos das movimentações.

Diferentemente da "conta de Lula e Dilma", também denunciada por Joesley em sua delação, mas que estava no nome do próprio empresário e que o Ministério Público disse ser "incomprovável", neste caso a conta parece ser realmente de Serra.

PS: Ou seja, a diferença de lula para Serra é que lula faz parte do 4P (preto, pobre, put..e petista), ou seja, qualquer motivo é motivo para acusar e condenar, já serra faz parte do seleto grupo tucano dos "inimputáveis".

Anônimo disse...

Para procurador, não há provas de contas no exterior de Lula e Dilma

Ivan Cláudio Marx disse que dono da JBS não comprovou acusação
O procurador da República no Distrito Federal Ivan Cláudio Marx afirmou que o empresário Joesley Batista, dono da JBS, não apresentou comprovação de que os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff eram beneficiários ou sabiam de contas no exterior, nas quais a empresa teria depositado US$ 150 milhões em propinas para uso em campanhas eleitorais.

A acusação foi feita pelo delator em depoimentos à PGR (Procuradoria-Geral da República), mas, de acordo com Marx, que foi designado para investigar o caso na primeira instância, faltam evidências do envolvimento dos petistas nos crimes relatados. "É uma história que ele (Joesley) contou, que pode ser verdade ou mentira, mas é insuscetível (inalcançável) de prova", diz o procurador.
http://noticias.r7.com/bras...

Anônimo disse...

ODEBRECHT ABATE SERRA: CAIXA DOIS DE R$ 23 MI E CORRUPÇÃO INTERNACIONAL

Além do pedido de ajuda feito por Michel Temer em pleno Jaburu, que resultou num caixa dois de R$ 10 milhões em dinheiro vivo para o PMDB, a Odebrecht também delatou o chanceler interino José Serra; de acordo com o depoimento de Marcelo Odebrecht, ele recebeu R$ 23 milhões, via caixa dois, em sua campanha presidencial de 2010; parte dos recursos, que, corrigidos pela inflação, hoje equivaleriam a R$ 34,5 milhões, foi paga no exterior, o que, em tese, poderia levar à cassação do registro do PSDB; Odebrecht também apontou corrupção no Rodoanel e supostos intermediários de Serra na arrecadação de propinas; o chanceler interino nega irregularidades
https://www.brasil247.com/p...

Anônimo disse...

MARQUETEIRO DE TEMER CONFESSA: FOI PAGO EM CASH PELA JBS PARA GOLPEAR DILMA

Alvo das delações da JBS, que o apontam como beneficiário de um pagamento de R$ 300 mil em dinheiro, o publicitário Elsinho Mouco, que cuida da imagem de Michel Temer, revelou, ao jornalista Pedro Venceslau, uma face inédita do golpe de 2016; segundo ele, o empresário Joesley Batista o procurou para financiar a derrubada da presidente legítima Dilma Rousseff; "Para minha surpresa, ele chamou Dilma de ingrata, grossa e incompetente. E disse: temos que tirá-la"; ou seja: um dos assessores mais próximos de Temer aceitou o dinheiro para um trabalho de ataque a Dilma na internet; ele confidenciou ainda que muita gente financiou o golpe; "uns contrataram carro de som, uns contrataram bandanas, pagaram por bandeiras, assessoria de imprensa", revela; ele admitiu ter sido pago em dinheiro e mudou sua versão anterior, que falava em serviços de marketing, com nota, para a JBS
https://www.brasil247.com/p...

Anônimo disse...

SERRA USOU EMPRESA DE FAMÍLIA LIGADA À GLOBO PARA RECEBER CAIXA 2 DA JBS

A empresa LRC Promoções, ligada a José Bonifácio Coutinho Nogueira, dono da EPTV (afiliada da Globo no interior de São Paulo), foi usada por José Serra para receber propina da JBS em 2010; a compra de um camarote no Grande Prêmio Brasil de F1 por R$ 6 milhões foi a maneira encontrada pela empresa para repassar verba para o candidato tucano; reportagem do Jornal GGN
https://www.brasil247.com/p.

Anônimo disse...

Consta que o Office-boy da Casa Branca e seus escudeiros Procuradores Palestreiros estão desesperados, depressivos e em estado de choque.
A familiares e amigos mais chegados, eles teriam confessado que, depois de terem se esforçado tanto, ao ponto de perder a dignidade e a vergonha na cara (se é que algum dia a tiveram), prá condenar Lula ‘sem provas’ e defender Serra, Aécio e o PSDB, ‘com malas cheias de provas cabais’, é muita ironia e ingratidão o que vida e a realidade está fazendo com eles!”

E a Regina Duarte, por outro lado, mandou dizer que, a vergonha não perdeu porque também nunca a teve, mas finalmente perdeu o medo!

Anônimo disse...

IstoÉ deixa escapar que publicitário de Temer está em lista de propinas:

12/08/2017

Jornal GGN - Na mesma edição em que ataca a senadora e presidente nacional do PT Gleisi Hoffmann, IstoÉ deixou passar quase que despercebida a relação entre o irmão do publicitário de Michel Temer, que agora também trabalha para o governo federal, e a suposta lista de propinas da Odebrecht.

A revista publicou um pequeno trecho de uma planilha que está em posse da Polícia Federal e teria sido retirada de documentos apreendidos no "setor de operações estruturadas" da Odebrecht, que a grande mídia batizou de "departamento da propina".

No trecho, IstoÉ quis destacar o nome de Gustavo Pereira Oliveira, um publicitário que teria recebido repasses da Odebrecht referentes à campanha de 2014 para um político com o codinome "Coxa", que a PF acredita que seja Gleisi.


Mas logo abaixo de Gustavo Pereira aparece outro Gustavo com o sobrenome Mouco, irmão de Elsinho Mouco, publicitário de Temer. Também aparece na lista o nome da empresa Calia, que pertence a Gustavo Mouco.

No mês passado, Lauro Jardim informou que a agência Calia venceu uma licitação milionária do governo federal. Ela e outras duas empresas foram contratas pela Secretaria de Comunicação da Presidência por 5 anos, ao custo de R$ 208 milhões.

PS: Com essa amancada a IstoÉ não vai receber a "mesada", digo, a verba publicitária federal, o traira odeia traíra.

Anônimo disse...

Como a desculpa de que não achou propina de R$ 16 milhões a Lula ajudou Moro:

12/08/2017 - Cíntia Alves

Jornal GGN - Em um ofício ao desembargador João Gebran Neto, do TRF4, no último dia 8, o procurador regional da República Mauricio Gotardo Gerum explicou como Sergio Moro conseguiu bloquear as contas e bens de Lula que nada têm a ver com as investigações da Lava Jato.

PS: Não da nem pra comentar tal arbitrio e abuso

..relembrando ..os tais bens LICITOS foram conseguidos com salário e palestras devidamente comprovadas e que recolheram imposto

..isso enquanto a relação de "empreiteira-estatal e propina, aliado a ATO DE OFICIO e prejuízo à Nação Brasileira" sequer foi estabelecido no processo

..pra piorar o MAL-gistrado CONFESSOU na sentença que sabia que a ação NÃO lhe diria respeito, ao afirmar que desde o início nunca "admitira" haver relação com determinados projetos da Petroleira, conforme a denuncia

O juiz decidiu que essa era a melhor hipótese para condenar Lula a partir de uma delação premiada. Não há, na sentença do triplex, provas correspondentes de que esse caixa de propina da OAS era verdadeiro. Tanto que Moro deixa claro, em um de seus despachos, que a Lava Jato não foi capaz de "identificar o destino" dos recursos que sairam do suposto caixa.

Anônimo disse...

ele morava em 2 coberturas em sao bernardo do campo no andar eram as 2 coberturas d eluxo q ele morava anos anos ainda mora em uma a outra foi confiscada o condenado ladrao adora luxo

Anônimo disse...

e o "triprékis" ?

Anônimo disse...

Operação Quadro Negro pega ministro Ricardo Barros, diz revista Veja:

12 de agosto de 2017 - Blog do esmael

A revista Veja, em sua coluna Radar Online, informa que a Operação Quadro Negro — a qual investiga desvio de verbas da educação e fraudes na construção de escolas no Paraná — pegou o ministro da Saúde Ricardo Barros (PP).

O jornalista Maurício Lima, titular da coluna, revela que Eduardo Lopes de Souza, dono da Valor Construtora, delatou o pagamento de propina a um parente do ministro, por exigência de Ricardo Barros.
A Operação Quadro Negro investiga autoridades governamentais paranaenses, dentre os quais deputados estaduais e o chefe da Casa Civil Valdir Rossoni (PSDB).
A Operação Quadro Negro investiga o desfalque de R$ 20 milhões dos cofres públicos do governo do Paraná. Nesta semana, o Ministério Público requereu indenização por danos morais na ordem de R$ 41 milhões visando o ressarcimento do erário.

Em maio passado, esta página antecipou que a delação de Lopes teria potencial de implodir o Palácio Iguaçu e o ninho tucano. “Não sobrará pedra sobre pedra no governo de Beto Richa”, confidenciara na época uma fonte governista. Bingo!

O Blog do Esmael registrou em primeira mão, há dois anos, o escândalo e a consequente queda da cúpula da Educação do Paraná na época.

PS: Mais um Ministro do Traira/PMDB "enrolado", esse é do PP da Ana Amélia e do Suplente de Del Est Van Ha..

Anônimo disse...

LULALAU NA CADEIA .!!!