Polícia do RS teme onda de violência neste final de semana

Todas unidades da Brigada Militar e da Polícia Civil estão de prontidão na Capital e Região Metropolitana, tudo para evitar eventuais reações violentas das facções atingidas pela transferência dos seus líderes para presídios federais do Norte e do Nordeste.

Os aparatos de inteligência policial temem atos de violência, o que podem ocorrer durante o dia e no final de semana.

8 comentários:

Anônimo disse...

Tem que colocar policiais armados nos ônibus e nas ruas, mas as forças de segurança adoram ser surpreendidas.

Unknown disse...

Bingo... finalmente as Cinderelas estão se antenando!!!

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Não acredito nessa possibilidade que aventas. Necessário deixar claro que se ocorrerem essas manifestações que prevês o problema será apenas da polícia de quarteirão à qual tal tarefa está afeta. A POLÍCIA JUDICIÁRIA não trabalha com tumultos e coisas do gênero.

Unknown disse...

E o que acontece no dia a dia, o que seria???
Perdemos a noção de segurança... banalizamos os crimes enquanto não acontecem conosco!!!
Estamos anestesiados... insensíveis...
Só isto justifica o título desta postagem!!!

Anônimo disse...

É só não avisar a M. do Rosário.

Anônimo disse...

INTERVENÇÃO MILITAR JÁ. ACABA COM OS BANDIDOS, COM OS COMUNAS VAGABUNDOS E COM A CORRUPÇÃO! É TRÊS EM UM.

Ultra 8 disse...

SCHIRMER ADORA MORTE EM ESCALA,O QUE ELE FEZ EM SANTA MARIA ESTÁ FAZENDO POR AQUI.

SARTORI ESCOLHEU UM BOM GENOCIDA.

ESTA BANDIDAGEM EM FÚRIA PODERIA INVADIR O PÁLACIO DO GOVERNO E DAR CABO DESTES VAGABUNDOS QUE ESTÃO DESTRUINDO O ESTADO.

Anônimo disse...

cabeça de tarso á preço?