Lula, réu condenado como corrupto, ataca Moro

Esta manhã, no seu Twitter, eis o que disse Lula da Silva, o milionário líder petista, já condenado em Curitiba a 9 anos de cadeia:

- Ninguém está acima da lei, mas um juiz também não pode estar acima dela. O juiz tem que executar a lei ao pé da letra e isso é uma coisa que vou brigar pelo resto da vida.

Arrogante, o réu condenado em primeira instância como corrupto não faz mea culpa e ainda ataca o juiz Sérgio Moro.

24 comentários:

Anônimo disse...

só faltou o ditador dizer, "a lei sou eu"!

sempre mais disse...

Realmente ele disse a verdade. Ao pé da letra o ladrão já deveria estar na jaula. Esqueci.....o STF ia soltar o chefe. Moro fez bem. É melhor deixar o ladrão sangrar!

sempre mais disse...

Essa parceria de FHC com G. Soros destruiu o país. Por isso Lula existiu.

Anônimo disse...

Moro somente poderia decretar a prisão preventiva do Condenado Jararaca do PT se estivessem preenchidos os requisitos para tal, coisa que, por enquanto, não ocorreu!!

Anônimo disse...

O MBL VIROU O MOVIMENTO DA BOQUINHA LIVRE?

O MBL, movimento capitaneado por Kim Kataguiri que ajudou a promover o golpe de 2016, foi apelidado de Movimento da Boquinha Livre pelo jornalista George Marques; o motivo é a reportagem da Folha de S. Paulo que apontou que diversos militantes do MBL vêm sendo contratados sem concurso por prefeituras mais à direita no espectro político; a novidade foi também rechaçada por Guilherme Boulos, líder do MTST; "Alguns jovens envelhecem rápido: Folha de hoje mostra que MBL montou cabide de empregos em prefeituras do PSDB, PMDB e DEM", afirmou.

24 DE JULHO DE 2017

247 - O Movimento Brasil Livre (MBL), que ajudou a promover o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, agora vem ocupando gradativamente cargos comissionados em diversas cidades do país. No ano passado, lideranças do movimento se lançaram como candidatos em diversas cidades do Brasil e apoiaram candidatos a prefeitos. Hoje, líderes dos movimentos ocupam cargos comissionados em municípios como Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS), Goiânia (GO), Caxias do Sul (RS) e São José dos Campos (SP), segundo aponta reportagem da Folha de S. Paulo.

"Alguns jovens envelhecem rápido: Folha de hoje mostra que MBL montou cabide de empregos em prefeituras do PSDB, PMDB e DEM", criticou o líder do Movimento dos Trabalhadores sem teto (MTST, Guilherme Boulos, no Twitter. Também no Twitter, o jornalista George Marques, sugeriu que o MBL deveria passar a se chamar "Movimento da Boquinha Livre".

Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, o coordenador do MBL Kim Kataguiri diz que que as indicações para os cargos comissionados foram técnicas e não políticas. Segundo ele, o MBL tem como objetivo levar "pessoas com capacidade para a máquina pública". "O que a gente critica é o cabide de emprego", afirmou.

A afirmação, porém destoa da postagem feita pelo integrante do MBL e ex-candidato a vereador pelo DEM Ramiro Zinder que agradeceu, no Facebook, ter se tornado uma "liderança política" graças ao movimento. Em fevereiro, ele ocupava um outro cargo, na Secretaria de Educação, na administração do prefeito Gean Loureiro (PMDB).

No ano passado, gravações revelaram que o MBL recebeu apoio financeiro e logístico de partidos que apoiaram o impeachment de Dilma Rousseff, como o PMDB e o Solidariedade. Em uma das gravações, um dos coordenadores nacionais do MBL, afirma ter fechado o apoio com partidos para os protestos contra o governo Dilma e para "usar as máquinas deles também".

PS: Movimento brasil larapio....encantadores de burros paneleiros merdalhada coxa mirim....

Anônimo disse...

JÁ CANSOU TER QUE ESCUTAR ESSE LADRÃO , ASSASSINO E CACHACEIRO DO LULA A FALAR MERDA!
PRENDAM LOGO O LULA.

Anônimo disse...

Deputado quer debate com Lula e Moro na Câmara:

124/07/2017

Jornal GGN - É destaque na coluna Radar desta segunda (24) que o deputado Wilson Filho, do PTB, apresentou um requerimento para convidar o juiz Sergio Moro e o ex-presidente Lula para um debate, na Câmara, sobre a Lava Jato.

Há duas semanas, Moro condenou Lula no caso triplex a 9 anos e meio de prisão mais multa de mais de R$ 10 milhões. A maior parte dos valores já foi bloqueada por determinação do juiz de Curitiba.

O deputado é presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara e espera que o requerimento seja votado na volta do recesso parlamentar. A coluna ainda disse que o debate seria colocar "fogo no circo" e afirmou que a Lava Jato levou Lula à "beira do penhasco" e transformou Moro em "herói nacional".

PS: Proposta feita por um Partido inimigo do PT, o PTB. Será que o juiz imparcial de curitiba aguenta debater cinco minutos com lula, sem envaretar, tá acostumado o "teje preso".

Anônimo disse...

O corrupto foi condenado em um processo. Faltam quatro. Vou rir muito se o TRF4 aumentar a pena dele. O Moro é inteligente, vai deixar um pouco pro recurso.

Anônimo disse...

Procurador de Curitiba: "Só queriam o fim do governo Dilma, não da corrupção":

24/07/2017

Jornal GGN - No Facebook, o procurador Carlos Fernando dos Santos Lima, uma das "estrelas" da Lava Jato em Curitiba, admitiu que a operação serviu aos interesses daqueles que queriam derrubar o governo Dilma e disse que, agora que a presidência está nas mãos de outro grupo político, as investigações estão sendo minadas. (...)

PS: Agora, vem falar dar uma de Madalena arrependida. O pior é que vai ter gente que vai acreditar na "ingenuidade" desse hipócrita.

Anônimo disse...

Aliados de Lula acham que condenação pode ser revertida com declaração de Moro:

24/07/2017

Jornal GGN - Em resposta aos embargos de declaração de Lula, Sergio Moro admitiu que "jamais afirmou" que "valores obtidos pela OAS nos contratos com a Petrobras foram utilizados para pagamento da vantagem indevida para o ex-presidente", revelando a falta de conexão entre o caso triplex e a denúncia da Lava Jato. É com essa fala que aliados de Lula acreditam que a sentença de 9 anos e meio de prisão poderá ser revertida em segunda instância.

Segundo o Painel da Folha desta segunda (24), "aliados de Lula aconselham a defesa do petista a explorar [esse] trecho" da decisão de Moro. "Conselheiros de Lula lembram que o processo só foi distribuído para o juiz de Curitiba porque, na ocasião, prevaleceu a tese de que havia vínculo entre o caso e os desvios na Petrobras."

A coluna ainda lembrou que o assunto foi alvo de polêmica no passado. "Promotores que iniciaram a investigação em São Paulo travaram uma luta para que as investigações sobre o tríplex ficassem sob sua jurisdição."

A Justiça de São Paulo acabou extraindo de um processo todas as informações do caso triplex e enviando o caso para a jurisdição de Moro.

A defesa de Lula já sinalizou que deve usar as palavras do juiz, reconhecendo que não há laços entre o triplex e os contratos da Petrobras, em recurso no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (...)

PS: Será que dá para esperar coerência do TRF4?

Anônimo disse...

A fake news da Ferrari dourada de Lulinha mostra que viramos um país de mentirosos patológicos:

Kiko Nogueira - 24 de julho de 2017 - DCM

Lulinha é o personagem central das maiores fake news nacionais.

Ele já foi retratado como dono de avião, promotor de festas com prostitutas, proprietário de fazenda e da JBS, entre outros absurdos.

Fábio Luís Lula da Silva já tentou recorrer à Justiça.

Em 2015, o prefeito de São Carlos, Paulo Altomani (PSDB-SP), foi acionado por causa de uma postagem no Facebook usando a história da Friboi para convocar manifestantes num protesto anti Dilma.

Um funcionário do Instituto Fernando Henrique Cardoso, Daniel Graziano, filho de Xico Graziano, foi convocado a depor num inquérito sobre a boataria da empresa dos irmãos Batista.

A nova é que Lulinha é dono de uma Ferrari dourada. Um vídeo no YouTube mostra um sujeito embarcando no carro com um amigo num cidade do estrangeiro.

Diversos sites, replicados exaustivamente, garantem que se trata de Lulinha passeando no Uruguai.

Na verdade, é um milionário árabe saindo do Hotel de Paris em Monte Carlo, no principado de Mônaco, mas isso é o que menos importa.

O fenômeno da pós-verdade já foi bastante esmiuçado: hoje, fatos objetivos têm menos importância do que crenças pessoais.

O bando de energúmenos que espalha essa fábula grotesca sabe que a coisa não tem pé nem cabeça, mas a ideia não é ser honesto.

A ideia é enganar, iludir, matar a reputação do inimigo.

Viramos uma nação de mentirosos compulsivos.

Temer e seus homens mentem, Alexandre de Moraes plagia, juízes trapaceiam, idem para procuradores. Não é surpresa, portanto, que a sociedade seja mentirosa.

O engano, a falsa representação sempre fizeram parte da condição humana.

Mentir pode ser um ato diplomático, divertido ou mesmo necessário para a sobrevivência. Nietzsche falava da “pia fraus”, a mentira piedosa.

O Brasil atingiu o ponto em que foi tomado por encantadores de cobras, manipuladores vagabundos e embusteiros patológicos que são celebrados.

Uma nação repleta de cidadãos de bem capazes de escrever isso nas redes sociais:

FILHO DO LULA COM UMA FERRARI DOURADA NO URUGUAI! E VOCÊ VAI FICAR PARADO? VAI DEIXAR ISSO ACONTECER NA SUA FRENTE? E NÃO VAI FAZER NADA? COMPARTILHE ESSE VÍDEO E VAMOS MOSTRAR AO BRASIL QUEM É O LULA E SUA FAMÍLIA!

Não éramos assim. Ou éramos e não sabíamos. O golpe elevou à categoria de arte aceitável o que era um desvio de caráter.

PS1: Tudo para "abafar" a aumento dos impostos do traíra.
PS2: A direita brasileira abandonou as propostas e resolveu partir para o submundo da criminalidade destruindo reputações como meio de alcançar o poder.

Anônimo disse...

ACUSAÇÕES DE FUNARO PODEM VALER EM INQUÉRITO CONTRA TEMER POR ORGANIZAÇÃO CROMINOSA:

Acusações do empresário Lúcio Funaro contra Michel Temer podem ser usadas em inquérito que vai investigar o presidente por organização criminosa no STF, conforme decisão tomada pelo juiz federal Vallisney de Sousa Oliveira; Funaro afirmou que Temer havia orientado a distribuição de R$ 20 milhões desviados de fundos públicos para bancar campanhas eleitorais, além de saber do pagamento de propina pela Odebrecht para conseguir contratos na Petrobras; preso há cerca de um ano pela Lava Jato, Funaro vem tentando firmar um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal.

24 DE JULHO DE 2017

Reuters - Mesmo antes de fechar um acordo de delação premiada, as acusações feitas em depoimento pelo empresário Lúcio Funaro contra Michel Temer podem ser usadas em inquérito que vai investigar o presidente por organização criminosa no Supremo Tribunal Federal (STF), conforme decisão tomada pelo juiz federal Vallisney de Sousa Oliveira a que a Reuters teve acesso.

Recentemente, em interrogatórios da ação penal a que responde, Funaro afirmou que Temer havia orientado a distribuição de 20 milhões de reais desviados de fundos públicos sob a guarda da Caixa Econômica Federal para bancar campanhas eleitorais. Disse ainda que o presidente sabia do pagamento de propina feito pela Odebrecht para conseguir contratos na Petrobras. (...)

PS: Taí um ponto para a próxima denuncia contra o traira pelo PGR.

Anônimo disse...

E quem grampeia a Presidente da República, sem ter "autoridade" para tal mister e ainda entrega o grampo da conversa para a Rede Globo e, tempo recorde, a tempo de passar no JN, na anti vespera da votação do impedimento da Presidente Dilma na camara, merece o que?

E quem grampeia o escritório de advogados de lula, seria para monitorar a defesa de lula perante o proprio juízo?

E quem grampeia e entrega o grampo para a Imprensa marrom glace da conversa da finada Dona Marisa, mulher de lula com um dos filhos, justamente quando ela diz: "....enfiem as panelas no cú...", qual o interesse desse elemento, se não achincalhar lula e familia, além de joga-los contra a opinião pública?

E, quem manda conduzir coercitivamente lula para uma simples audiencia na PF, com aparato de 200 homens, sem que lula tenha sido notificado antes para comparecer em dia e hora aprazada e não tenha comparecido, conforme determina a Lei. Qual o objetivo dessa operação policial, se não aparecer nos olofotes da Rede Globo, com um único objetivo, se não achincalhar com a vida pública de lula, perante a opinião publica em pleno JN da Rede Globo e demais midias.

E o que acontece com juiz que comparece em um evento politico do PSDB promovido por Dória, senta ao lado dos grans tucanos e é fotografado cochichando e rindo no ouvido de aécio neves?

Qual a credibilidade e neutralidade desse juiz para julgar lula?

Socorooooooooooo........Socorooooooooooooo.........Socorooooooooo Ministro do STF GM e demais Ministros do STF, alguém tem de botar ordem nesse galinheiro, ou vamos botar a carreta na frente dos bois.

Anônimo disse...

O grampito do tucano Taques. Uma homenagem a mais um tucano na berlinda:

24/07/2017 - Conversa Afiada

Pedro Taques, governador do Mato Grosso, (aquele que adora posar para fotos ao lado de um sorridente e imparcial juiz de Curitiba) é mais um tucano na berlinda.

O amigo navegante se lembra de que o Conversa Afiada tratou deste assunto em junho. Taques, além de suspeito de ter se beneficiado de caixa dois na eleição de 2014, ainda foi atingido em cheio pela revelação da existência de uma central clandestina de grampos no comando da Polícia Militar.

O governador sempre negou qualquer envolvimento.

Mas, um depoimento de Mauro Zaque, promotor de Justiça e ex-secretário de Segurança Pública do Mato Grosso, joga mais uma bomba no colo de Taques.

Diz o Fantástico que Zaque teria dito à Procuradoria Geral da República que o governador tinha, sim, conhecimento do esquema.
E que foi alertado pessoalmente pelo coronel Zaqueu Barbosa (..).

PS: A propósito, em que pé está Adão Paino, no governo Yeda...

Ex-ouvidor de Yeda denuncia uso de grampos ilegais para tráfico de influência no governo:

Folha Online - 13/03/2009

O ex-ouvidor da Segurança do governo Yeda Crusius (PSDB), no Rio Grande do Sul, Adão Paiani, apresentou nesta sexta-feira denúncias do uso de um programa exclusivo da Secretaria de Segurança Pública para fazer interceptações telefônicas ilegais contra integrantes do próprio governo. As supostas provas foram entregues hoje à OAB-RS (Ordem dos Advogados do Brasil), que ainda não se pronunciou sobre o seu conteúdo.

De acordo com as denúncias, as gravações --de cerca de 30 minutos, reunidas em um CD-- revelam o uso do sistema da secretaria para realizar "pressão política" e tráfico de influência dentro do governo Yeda. A OAB afirmou que deve se pronunciar apenas na segunda-feira (16), após analisar os áudios. (...)

Anônimo disse...

Quando Dallagnol irá divulgar o relatório de suas palestras, a exemplo de Lula?

23 de julho de 2017 - Blog do esmael

O ex-presidente Lula, espontaneamente, divulgou neste domingo (23) o relatório das palestras que fez entre os anos 2011 e 2015. A pergunta que não quer calar é: quando o procurador Deltan Dallagnol irá publicizar para quem e quanto renderam suas palestras?

Note o caríssimo leitor que um é “ex” agente político transitório que realizou suas palestras depois de exercer a Presidência da República, entre 2011 e 2015, portanto fora do período que ocupava transitoriamente o cargo (2003-2010).

Por outro lado, Dallagnol, também agente político, porém em atividade em cargo típico de Estado (Ministério Público), no exercício da função, ministra palestras remuneradas a empresas e entidades privadas. (...)

Na semana passada, o juiz Sérgio Moro confiscou poupança previdenciária de Lula — formada por recursos oriundos de palestras — como se lançasse uma casca de banana para o ex-presidente. Porém, diferentemente de Deltan, o petista palestrou somente quando saiu da Presidência.

Diante de tudo isso, os meios políticos e jurídicos questionam: quando Dallagnol irá publicar seu relatório de palestras, a exemplo de Lula?

PS: Para alguém que compra dois aptos do Minha Casa Minha Vida para fins de investimento futuro no mercado imobiliário de forma talvez legal, mas imoral, sera que o ganho das tais palestras foram declaradas no IR?

Anônimo disse...

Ao anônimo das 15:30:
A repercussão exagerada do factoide da Ferrari do Molusquinho nas hostes petistas faz crer que delas próprias tenha saído a mentira, para tentar demonstrar como são injustiçados e mais uma vez se vitimizarem.
Porém, só os muito incautos para caírem nessa lorota. Até porque os crimes verdadeiros do Molusco e famiglia são muito mais graves que essas abobrinhas de internet.

Anônimo disse...

Anônimo das 14:54h! Provas é que não faltam. Mas o Dr. Moro poderia desenhá-las.

Anônimo disse...

PS >>>>> PETRALHA SUMIDO, escondido com dinheiro desviado da PETROBRAS ainda não devolvido.

POLIBIO, és refém do PS?



Anônimo disse...

Poxa Polibio..limita a quantidade de caracteres nos comentários...aí acaba com esse Acéfalo que fica colando artigos de jornais...não consegue nem pensar esse babaca...tem que divulgar a opinião alheia.

jorge.alves ribeiro disse...

Esse safado se acha acima da lei. A justiça não pode mais tolerar o que ele vem fazendo, afrontando a lei, os juizes, isso é uma vergonha. Se fôssemos um país sério e que as leis fossem cumpridas, ele já estaria preso.

Anônimo disse...

Se o lularapio quer justiça é só confessar e se entregar.

Anônimo disse...

Será que não da para prender esse cachaceiro por desacatar a autoridade do Juiz Moro?
Essa criatura das trevas não se aguenta nas pernas se não soltar alguma besteira todos os dias!
Cruuuuuuzes! Parece vício! Como a birita que elle entorna dia sim, dia não!

Anônimo disse...

Ladrão, vigarista, analfabeto, cachaceiro, chefe de quadrilha....!!!!

Safenado (sc) disse...

Polibio, eu acesso o seu site e não tenho o menor interessante em ler essa bostajada postada por um debilóide que copia tudo que os sites petistas publicam. Bota ordem no galinheiro!!!