Datafolha acha que quanto mais ladrão e bandido for Lula, mais o povo votará nele

O diretor do Datafolha acha que Lula tem tudo a ganhar com a pena de prisão imposta por Sergio Moro, se a sentença for confirmada e outras sentenças comprovarem que ele não passa de um ladrão da pior espécie.

Ele disse ao Valor:


- Lula passou pelo mensalão e se reelegeu em 2006. Passou pelo farto noticiário negativo da Lava Jato e permanece em primeiro, com 30%. Se for condenado pelo TRF4, pode ser identificado como vítima, o perseguido. Ainda mais porque é visto como opositor de um governo tão impopular.

Na visão do Datafolha, quando mais for provado que Lula é bandido, mais ele ganhará votos.

O diretor do instituto parece achar que o eleitor não gostará nem um pouco de sentenças que digam que Lula é honesto.

É que na aparente interpretação dele, povo gosta mesmo é de ladrão e bandido.

49 comentários:

Anônimo disse...

É QUE O RATÃO QUE O DIRETOR DO DATAFOLHA DEFENDE, É O SEU PATRÃO, ORA PELOTAS, POLÍBIO! TODO MUNDO SABE QUE O VOX POPULI E O DATA FOLHA, JUNTO COM CARTA CAPITAL, SÃO BRAÇOS DO PT E DO FORO DE SP, IRRIGADOS AINDA COM GRANA QUE O RATÃO TEM ESCONDIDA A RODO, EM TUDO QUE É PARAÍSO FISCAL!

Anônimo disse...

Ser ladrão e condenado pela justiça faz muito bem à carreira política, pelo menos é o que afirmam o Datafolha e o PT. Resta saber se os zé-ruelas acreditarão....

juliana silva disse...

Polibio comenta sobre a reportagem da record falando sobre a globo

Anônimo disse...

Alguém ainda lê essa merda de jornal?

Anônimo disse...

Por isto que lula cchegou onde chegou! Ele interpreta bem como pensa o pobre, o ignorante, o corrupto. "Se o lula me der o meu, bolsa família, emprego, etc, estou me lixando se ele (lula) é corruptom ladrão, etc. Ele está tirando dos ricos para dar para nós." Esta é a mentalidade desta gentalha parasita, vagabunda e corrupta.ç

Anônimo disse...

Esse diretor da Folha está bebendo muita "Veuve Clicquot". Os brasileiros na maioria realmente gostam de levar vantagem, mas também detestam serem roubados. Os 30% de intenção de voto no ladrão, são dos fanáticos da seita petista, que se forem mandados saltarem de um precipício, saltam mesmo.

Mordaz disse...

Nada de estranho. Os coxinhas não defendem Temer na presidência para ferrar os aposentados e aposentadorias? Cada qual com seu corrupto de estimação. Quanto mais defendem a permanência de Temer mais evidente fica que o problema de Dilma e Lula não foi a corrupção.

Anônimo disse...

Como diz o bordão do Boris Casoy, "isso é uma vergonha".

Arthur Millano disse...

Ocorre, Políbio, que a folha é um antro de socialista da pior espécie - de há muito não não compro nem leio a Folha - seu time de redatores e editores são o que há de mais tendencioso e inescrupuloso, politicamente, que tem em nossa imprensa escrita.

Anônimo disse...

Esses 30% o ladrão sempre teve, desde sempre, é a percentagem máxima do PT. O Datafolha petralha, jamais diz qual é o índice de rejeição do larápio, que é de mais de 50%. A ORCRIM, não elege NINGÚEM sem estar aliada ao honesto PMDB. Assim foi, enquanto o chefe da ORCRIM, tentou chegar ao poder só com os aliados tradicionais, como PCdoB, PSTU, PDT, nunca chegou NEM PERTO DE SE ELEGER, só depois que o famigerado PMDB se aliou a esse partido DONO DA ÉTICA E DA HONESTIDADE é que chegaram ao poder. Uma vez no poder, escantearam o PMDB.

Anônimo disse...

datafoia acha que eleitor brasileiro é bandido e gosta de uma quadrilha, é isso?

Anônimo disse...

A Datafalha já impulsionou lula várias vezes, mas agora não vai dar. Não há como mudar a situação de um corrupto condenado manipulando pesquisas. Não existe meio de desinformar o povo e até mesmo o povão. Teremos coisa nova em 2018, se ficar como está dá Bolsonaro, pra desespero de um grupo que tem tudo a perder.

Anônimo disse...

Bem, o que este instituto de pesquisa fala realmente já caiu em descrédito, afinal pelo que eu sei algum delatores já citaram as pesquisas encomendadas à base de pixulecos. Depois que este instituto tirou da Paulista mais de um milhão de pessoas quando dia protestos contra Dilma, aí prá mim acabou, não levo mais em conta estas pesquisas.

Anônimo disse...

QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA? QUEM É O DATAFOLHA?

Anônimo disse...

E como se explica isso?

Anônimo disse...

Nada anormal...brasileiro adora politico ladrão..Concordo plenamente...ah..e não se aplica só pra esquerda..a direita também tem o seu ladrão de estimação.

Amor bandido disse...

Quem gosta de ladrão e bandido é o Datafolha.

Anônimo disse...

SÓ LADRÃO VOTA EM LADRÃO!

Anônimo disse...

A análise está de acordo com alguns modelos estratégicos que não trabalham com análises mecanicistas clássicas. Em política se chama de efeito Mandela.O prêmio Nobel de economia Amartya Sen já abordou que o modelo justicialista estilo operação Lava Jato não leva a desenvolvimento econômico nem a Democracia e Liberdade com justiça social.O problema no Brasil é que somos reféns da ignorância política e cultural da maioria e não temos lideranças políticas nem empresariais com uma visão moderna. A Fiergs é um exemplo do atraso do pensamento político e econômico do RS . Richard Dock / Cambridge.

Anônimo disse...

Um povinho corrupto vota em corrupto. A vedade é que a sociedade apodreceu.

Anônimo disse...

A seita (PT) tem cativos de 20 a 30% dos votos, independente de qualquer evidência. São os sindicatos, corporações públicas, e mentes juvenis cooptadas pela esquerda das universidades e escolas públicas. Trata-se de patologia, sem cura. Entretanto, tendencioso e ideologicamente comprometido, o Datafolha nunca menciona o índice de rejeição, que de tão alto, inviabiliza qualquer tentativa eleitoral para o molusco. O povo não gosta de ladrão não. O povão pode ser inculto, mas é muito conservador quanto a valores.

Anônimo disse...

Interpretação tendencionsa do editor.Porque não dizer que lula foi o melhor presidente dos pais de todos os tempos e, por isso tem lastro para resistir o pau que leva da globo desde 1989, em especial em nas eleições de 1992, quando a Rede Globo manipulou último debate entre Collor e Lula, ou seja, reproduziu no JN os melhores momentos de Collor e, obviamente os piores momentos de lula. Não obstante, durante a a campanha compraram a ex-mulher para falar mal de lula na Tv e Rádio, além do famoso aparelho de som que lula tinha e Collor não tinha.


Qualquer pessoa medianamente esclarecida percebe os movimentos do juiz moro do PSDB, digo, da Justiça da República de Curitiba, lu seja:

1) Manda grampear, sem ter "autoridade" para tal a conversa da presidente dilma com lula e ainda distribui o grampo para a imprensa marrom glace na anti vespera da votação do impedimento de Dilma. O resultado todos sabem.....

2) Manda conduzir lula coercitivamente para ser ouvido pela PF, sem que antes tenha mandado notificar e lula se negado a comparecer, comforme previsão legal;

3) Manda grampear o escritório de advogados de lula, ou seja, como um bom investigador sempre andava um passo na frente da defesa;

4) Manda grampear a finada Dona Marisa, esposa de lula, quando ela diz, ao se referir aos paneleiros: "...enfiem as panelas no c...", com nítida impressão de jogar lula e a familia contra a opinião pública;

5) Participa de um evento promovido por Dória, em meio as Grãns Tucanos, senta ao lado de aécio e é fotografado cochichando no ouvido de aécio;

6) Rejeitas as + de 80 perguntas feitas por Cunha/PMDB para o traíra/PMDB;

7) Absolve por "falta de provas" a mulher de Cunha/PMDB, mesmo tendo nos autos provas "irrefutáveis" do governo da suiça em documento timbrado informando o numero da conta e a movimentação financeira no valor de 2 milhões;

8) Condena Lula sem provas, como se dono fosse de um apt que nunca esteve em seu nome e sem observar as provas em contrário, ou seja, o apt foi relacionado pela OAS para fins de Recuperação judicial no Juizo Estadual e, ao mesmo tempo, poe o apt como garantia na Cx Federal. Ao mesmo tempo confunde "cota parte" com propridade definitva.

Ou seja, o povo não é bobo, não vai para as ruas para não perder o emprego, mas na hora de votar o voto do favelado vale tanto quanto a de um neo nazista, considerando que o Brasil tem mais pobres que neo nazistas, quem ganha a eleição?

Anônimo disse...

EL PAÍS: “JUÍZES TOMARAM O PODER” NO BRASIL:

A manchete do jornal espanhol El Pais no domingo foi enfática: "Brasil, o país em que os juízes tomaram o poder"; citando a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a extensa reportagem mostra como o poder Judiciário assumiu o protagonismo e deixou o País refém de suas decisões; a reportagem foi apenas mais uma da longa lista de menções negativas ao país na mídia estrangeira, que retrata o Brasil cada vez mais como uma república de bananas; o periódico espanhol considera ainda que a nomeação de Raquel Dodge para a PGR foi um recado de Michel Temer aos juízes e ao Ministério Público Federal; ao não seguir a tradição de escolher a mais votada, o peemedebista estaria sinalizando que pretende combatê-los.

17 DE JULHO DE 2017

247 - Mais uma vergonha internacional para o Brasil.
O jornal El Pais destacou em sua manchete de domingo a profunda crise institucional no Brasil. Em uma reportagem intitulada "Brasil, um país em que os juízes tomaram o poder", o periódico europeu relata como os sucessivos escândalos de corrupção serviram para deixar o Brasil à mercê do poder Judiciário.

O jornal destaca ainda a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como um desses exemplos.

Para o "El Pais", a nomeação de Raquel Dodge para a PGR (Procuradoria-Geral da República) foi um recado de Michel Temer aos juízes e ao Ministério Público Federal. Ao não seguir a tradição de escolher a mais votada, o peemedebista estaria sinalizando que pretende combatê-los.

PS: Até os estrangeiros sacaram a perseguição contra lula, mas os neo nazistas do blog não se flagram, certo eles errado o povo.

Anônimo disse...

O comunismo brasileiro, na sua variante lulopetista, é como se fosse o Estado Islâmico: só pensa em roubar, destruir e matar.
Enquanto não tiver uma operação de combate a esse terrorismo socialista o Brasil nunca vai andar para frente.

Anônimo disse...

O Povo não gosta de ladrão e nem de político corrupto. Lula, campeão de pesquisas à corrida presidencial de 2018. Os bons políticos, empresários, e principalmente os políticos que dizem da elite, tipo Michel Temmer, tipo Maia entre outros da mesma casta, tem que entender, o POVO não é tolo, nem tampouco cego. Um Brasil com 10 milhões de pessoas passando fome, 14 milhões de desempregados, e um governo que leva o povo a perder sua esperança por dias melhores, a opção é votar em quem fez ou pode fazer alguma coisa aos miseráveis e milhares de desempregados. Errado está essa casta que governa o país, que a cada dia exclui o trabalhador dando prioridades a outras castas do regime público, seja ele federal ou estadual. Vive-se um país de dois mundos, um discriminado e outro privilegiado na aposentadoria e nos salários. Com toda essa discriminação, ainda quer que o povo seja a favor e vote nessa elite que aprenderam somente discriminar aqueles que optaram pelo regime de CLT em sua vida profissional?? ACORDA ELITE??

Anônimo disse...

Gente, Lula só foi eleito abraçando o JOSÉ ALENCAR representando a ELITE. Dilma foi eleita com a força do PMDB com MICHEL TEMER. E agora quem o PT vai encontrar para confiar neles. E mais
Grande porção de PETISTAS ja deixaram o partido.

Anônimo disse...

só ladrão, apaniguado, burro, favorecido, quadrilheiro, bandido, ogro, pinguço, vagabundo, acèfalo e etc vota neste pilantra.

Unknown disse...

Mais uma do aliciado e comprometido Datafalha!!!

Carlos Mota disse...

Dá vontade vomitar ao ler as postagens dos canalhas das 13:39h e das 13:44h.
Falem sério: vocês são ajudantes de ladrões, cornos, viados, pais de putas ou filhos destas????

Anônimo disse...

As 11 técnicas de manipulação midiática contra Lula:

Willy Delvalle - 17 de julho de 2017 - DCM (...)

Confira 11 técnicas de manipulação que vêm sendo utilizadas na cobertura desse momento político:

1 – DESQUALIFICAÇÃO DE UM LADO: No dia da condenação de Lula, uma reportagem dos noticiários da Globo repercutia a sentença com parlamentares petistas. Antes da presidente do partido falar, a repórter se referia a Gleisi Hoffmann como “ré na Lava-Jato” (...)
Na mesma reportagem em que Gleisi é chamada de “ré na Lava Jato”, por exemplo, Paulo Bauer, que já foi condenado por improbidade administrativa em SC e gravado falando de um esquema de contratação de func. fantasmas, é citado apenas como “sen PSDB”.
O mesmo tratamento é dado à senadora Ana Amélia (PP), indicada pelo marido na década de 1980 para ocupar um cargo comissionado em Brasília e acusada anos mais tarde de ocultar uma propriedade rural. No vídeo, ela defende que “a lei é para todos”.

2 – FALSA UNANIMIDADE: Uma grande comunidade de juristas criticou a sentença contra Lula, alegando inexistência de provas, assim como a denúncia apresentada no ano passado pelo procurador Deltan Dallagnol. As críticas quase não apareceram no rádio ou TV.

3 – ASSOCIAÇÃO DESPROPORCIONAL: No dia da condenação, William Waack, apresentador e editor do Jornal da Globo, abriu o noticiário comemorando a sentença, dizendo que representava um feito contra os “poderosos”. Não mencionou que os processos contra os típicos representantes das elites andam bem mais devagar e com menos rigor, como no caso de Aécio Neves, Michel Temer (...)

4 – DISTANCIAMENTO SELETIVO: (...)

5 – ASSUMIR O DISCURSO DA PROCURADORIA COMO VERDADE: Reportagem do G1 ilustra uma postura recorrente em parte da grande imprensa brasileira: “A acusação é pela ocultação da propriedade de uma cobertura triplex em Guarujá, no litoral paulista, recebida como propina da empreiteira OAS, em troca de favores na Petrobras”. O trecho dá como verdade que houve ocultação da propriedade. (...)

6 – ASSUMIR O DISCURSO DO JUIZ COMO VERDADE: Ainda na abertura do Jornal Nacional do dia 12 de julho de 2017, William Bonner diz: “Moro analisa provas documentais, periciais e testemunhais”. E mais à frente: “Sérgio Moro analisa minuciosamente as provas documentais, periciais e testemunhais para concluir: ‘o ex-presidente Lula é culpado dos crimes de corrupção passiva e de lavagem de dinheiro’”. O apresentador chama de “provas” aquilo que parte da comunidade jurídica entende como “indícios”. (...)

7 – ASSUMIR O DISCURSO DOS DELATORES COMO VERDADE: (...) O trecho de reportagem do G1 traz um problema também recorrente na conduta de parte da mídia brasileira. Usar verbos como “confessar” e “confirmar” denotam verdade, o que não sabemos estar havendo ou não na palavra dos delatores.
No ano passado, por exemplo, o delator Otávio Azevedo, da empresa Andrade Gutierrez, afirmou que havia depositado um cheque no valor de R$ 1 milhão como propina à campanha de Dilma Rousseff, discurso que foi desmontado quando a defesa dela apresentou um comprovante de que o cheque foi, na verdade, depositado para Michel Temer.

8 – APONTAR CONTRADIÇÕES: Quando Lula prestou depoimento a Moro, William Bonner frisou que, em um determinado momento, o juiz Sérgio Moro percebeu uma contradição de Lula. No entanto, não menciona contradições de outro tipo, como a de que o delator Léo Pinheiro, da OAS, primeiro inocentou Lula e obteve vasta condenação. E que só depois de mudar de discurso, obteve acordo de delação premiada e redução da pena.

9 – ESCONDER QUE OUTROS PARTIDOS DE ESQUERDA CONDENARAM A DECISÃO (...)

10 – ASSOCIAÇÃO VISUAL: A imagem de um esgoto por onde escorre dinheiro como plano de fundo para a imagem de quem é acusado já é uma condenação implícita, a exemplo do que sempre fazem os noticiários da TV Globo. (...)

11 – POUCA VISIBILIDADE ÀS PESQUISAS DE ELEITORADO: A baixa visibilidade que as pesquisas encontram em parte da imprensa, principalmente na TV Globo, contribui para a tese de que é esse o verdadeiro motivo pelo qual Lula está sendo condenado.

Leo disse...

Polibio, veta os comentários deste petralha que aparece por aqui. Não é democrático, mas petista não acredita em democracia... só na deles.

Emmanuel Carlos disse...

Não é bem assim! Na verdade, quando a votação é em urna com sotwate venezuelano e tem o advogado do PT para fiscalizar a contagem ... é claro que Lula e Dilma ganham todas ....

Anônimo disse...

Quando mais bater no Lula mais forte ele fica , igual o filme do Hulk.
O Lula comeu a direita . O Golbery na verdade foi um grande burro .

Mue de ideologia editor , for queen do contrail sera um eternal perdedor .
Lula 2018 , lulinha 2022!

Anônimo disse...

Quando mais bater no Lula mais forte ele fica , igual o filme do Hulk.
O Lula comeu a direita . O Golbery na verdade foi um grande burro .

Mue de ideologia editor , for queen do contrail sera um eternal perdedor .
Lula 2018 , lulinha 2022!

Anônimo disse...

Olha com quem andas e vera quem eres .
Os primeiros a se solitarisar com Lula pela sua condena foram : Raul Castro , Maduro e Daniel Ortega .
Golbery , grande ingenuo e burro ,

Anônimo disse...

Olha com quem andas e vera quem eres .
Os primeiros a se solitarisar com Lula pela sua condena foram : Raul Castro , Maduro e Daniel Ortega .
Golbery , grande ingenuo e burro ,

Anônimo disse...

Zaffaroni: O “Plano Condor” judicial:

17 de julho de 2017 - Blog do esmael

O renomado jurista argentino Eugenio Raúl Zaffaroni, em artigo publicado no jornal portenho Página 12, compara a operação lava jato do juiz Sérgio Moro ao Plano Condor, das ditaduras nos países do Cone Sul, onde a palavra de ordem comum era eliminar os adversários políticos dos regimes militares. Segundo ele, a atual operação judicial no Continente tem por objetivo afastar lideranças populares que ameacem eleitoralmente as corporações e traidores da pátria por meio de uma aliança entre judiciário e mídia.

PS1: Zaffaroni é professor é foi ou será professor dos melhores juristas do brasil ou se quiserem bota todos criminalistas do brasil no bolso.
PS2: o golpe hoje é assim..não precisa de baionetas..mas de togas manchadas de sangue…

Anônimo disse...

A Databolha é unha e carne com Lula, muito suspeita para alguém dar credibilidade e/ou acreditar. O Lula morreu politicamente, onde que que vai é vaiado e o que mais se ouve é: Lula ladrão devolve o meu milhão.

Anônimo disse...

Datafolha está forçando uma situação que em realidade não existe mais. O apoio a Lula cai todos os dias, mesmo que ainda haja um bom contingente de seguidores.
Em breve terão de ajustar os números, para não passar novo vexame.

Anônimo disse...

Essa questao da urna eletronica eh muito grave. Voto impresso, ja!!

Anônimo disse...

ALÔ, PF, URGENTE! Leiam e depois interroguem os quadrilheiros das 13:39 e das 13:44.

Anônimo disse...

A folha é chapa branca do lulla.
Há muito tempo não leio nem o site deste jornal.

Anônimo disse...

LULLA LADRÃO TEU LUGAR É NA PRISÃO...!!!

Anônimo disse...

Está na hora do Lula contratar um assaltante de banco para praticar e depois assaltar e se deixar prender. Aí será imbatível nas urnas.
Palavras do Data Folha

Anônimo disse...

Aloooooo ......Delegado da Policia Civil Paulo Cesar Jardin, maior entendedor e investigador sobre "nazistas" no Brasil. Dá uma olhado no Blog do Polibio, tem um monte infiltrado, posando de moralista.

Anônimo disse...

O que Palocci tem a dizer sobre a Globo na delação premiada?

17/07/2017

Jornal GGN - Há alguns dias, a revista Veja divulgou uma nota informando que a delação premiada de Antonio Palocci tem um "anexo que entra e sai" exclusivamente dedicado à Rede Globo. O que o ex-ministro da Fazenda tem a dizer sobre o império erguido pela família Marinho, que esteve bem perto de quebrar no início dos anos 2000?

Diante de Sergio Moro, em abril passado, Palocci deu uma dica: poderia colaborar com a Lava Jato entregando negociações que ocorreram nos bastidores de Brasília para "salvar" empresas de comunicação que, sem a ajuda do governo, corriam sério risco de quebrar.

Reportagem veiculada pela Record, no domingo (16), mostra que a Globo se beneficiou da edição da lei 12.996, que abriu uma brecha para que a emissora pudesse pagar parte da dívida que tem com a União, com 100% de desconto em multa. Ou seja, o grupo devolveu R$ 1 bilhão referente a impostos sonegados aos cofres públicos, mas deixou de pagar outro R$ 1 bilhão em multa, diz a matéria.

Palocci poderia, entre outros pontos, revelar a eventual pressão exercida pela Globo para conseguir essa janela e se beneficiar do não pagamento de multas.

Ainda segundo a reportagem, o governo passou a investigar a Globo, através da Receita federal, em meados do ano 2005. As autoridades haviam descoberto o esquema da emissora para comprar direitos de transmissão de grandes eventos esportivos da Fifa sem pagar nenhum imposto no Brasil.

A "operação fraudulenta" acontecia através da empresa com nome Empire, que a Globo abriu em um paraíso fiscal para adquirir os direitos de transmissão. "Assim que a Empire ficou com o direito da Copa do Mundo, ela foi dissolvida e transferiu os bens para a Globo. Só com essa manobra, Globo deixou de pagar R$ 170 milhões em impostos no Brasil."

A Receita chegou a acusar a Globo de simulação, multou em 150% sobre o valor do imposto sonegado e pretendia processar a emissora criminalmente. À época, o valor devido em multa e juros passava dos R$ 615 milhões.

Mas às vésperas do processo ser entregue ao Ministério Público, uma funcionária da Receita que estava em férias furtou o processo. Ela foi condenada a 4 anos, mas não passou uma semana na cadeia. Teve habeas corpus do Supremo Tribunal Federal. Hoje, ela, que mora em um condomínio luxuoso no Rio de Janeiro, responde em liberdade, diz a reportagem da Record.

O veículo ainda mostrou os negócios da Mossak Fonseca e abordou a pressão sobre os procuradores da Lava Jato para não aceitarem a delação de Palocci sobre a Globo.

Na sentença em que condenou Palocci a 12 anos de prisão, Sergio Moro deu um sinal de que a delação não deve ser negociada, afirmando que a promessa de cooperação mais parecia uma "ameaça", um recado àqueles que podem ser atingidos, para que dessem um jeito de ajudar o ex-ministro.

Anônimo disse...

O candidato Lula, o mais honesto, acho um adversário à sua altura na próxima eleição, é o Lula, o condenado. Os dois vão falar no mesmo palanque e vamos ver que quer votar conforme o datafalha:
30% no Lula, o mais honesto.
70% não votarão no Lula, o condenado.

Anônimo disse...

Ainda há otário no Brasil que acredita nas pesquisas do DATAFALHA. Francamente !!! Que burrice !!! Até as pedras sabem que a Folha SP é petista desde que Lula fundou o PT em S.Berndardo do Campo. Se essas pesquisas fossem verdadeiras o PT NÃO TERIA PERDIDO SUAS PREFEITURAS (A MAIORIA) NAS ÚLTIMAS ELEIÇÔES ... Essa "jogada" da Folha SP tem como objetivo manter manter "VIVO" o nome do Lula na MÍDIA, o que, aliás, consegue, graças ao contingente de OTÁRIOS existente no Brasil, que infelizmente ainda é bem grande. Mas, não elege ninguém, muito menos um ladrão notório.

ALMANAKUT BRASIL disse...

FOLHA AFIRMA EM EDITORIAL: NO BRASIL NÃO HOUVE DITADURA MAS “DITABRANDA” - 21/02/2009

Em editorial publicado na terça-feira, 17 de fevereiro de 2009, criticando a vitória do presidente Hugo Chavéz no referendo, a Folha de S. Paulo classificou a ditadura militar brasileira (1964 a 1985) como “ditabranda”

http://www.revistaforum.com.br/mariafro/2009/02/21/folha-afirma-em-editorial-no-brasil-nao-houve-ditadura-mas-%E2%80%9Cditabranda%E2%80%9D

Exército Brasileiro é a instituição de maior confiança dos brasileiros, segundo o Datafolha

Canal do Conservador - 24/06/2017

https://www.youtube.com/watch?v=Oe-weB6-Mnw