STF decidirá amanhã se acordo com JBS vale ou não vale

PT, PMDB e PSDB, mais Lula, Aécio e Temer trabalham para que o STF fulmine o acordo feito com a JBS.

A sessão contará com a presença dos 11 ministros do STF. Caso a maioria decida sacramentar, revisar ou rejeitar o acordo fechado por Rodrigo Janot, PGR, e homologado monocraticamente por Fachin, o caso ganhará outro ritmo e profundidade.

Existe claro temor de que a maioria incline-se por mandar revisar e até rejeitar a delaçao premiada, o que seria fatal para a JBS e para o próprio futuro da Lava Jato.

10 comentários:

Anônimo disse...

Espero a prisão dos Batistas.

Mordaz disse...

As instituições não funcionam mais.

Sheila disse...

A Lava-Jato via STF é política e vergonhosa: o resultado é empresário corrupto solto (como o açougueiro bilionário cria do Lula) e político subversivo solto (Dirceu), atrapalhando e atrasando o Brasil... A Lava-Jato via República de Curitiba é a legítima: empresário preso e políticos idem (Marcelo Odebrecht, Vaccari, Andre Vargas, Pallocci, etc).

Anônimo disse...

O Antagonista colocou no ar que em 20/01/17 o Joesley já estava tentando fazer delação premiada.
Como o antagonista é do empiricus que vende relatórios financeiros e tem um colunista na globonews junto com o Jardim, dá para perceber que deste mato saiu muitos coelhos.

Se na época o pessoal já sabia então foi tudo armação para cima do Temer.

Anônimo disse...

Se rejeitar a delacao pode o Moro arrumar as malas. Quem vai deletar se pode ser revisado depois? Malferiria varios principios constitucionais e civis

Chico Valente disse...

Com quem conversar, o interlocutor sabe muito bem distinguir a Lava Jato verdadeira, a de Curitiba, da postiça, usurpadora, que é a do Janot de Brasília.
A impressão é que os brasileiros estão sendo traídos pelos procuradores de Brasília.

Anônimo disse...

DELAÇÃO PREMIADA É A QUENTE, FEITA COM CUIDADO, CONVERSAÇÃO, LETNA, E VÁRIOS MEMBROS DO MPF. A EXCEÇÃO, A FAJUTA É O ACORDO PREMIADO, ONDE À SOCAPA, DE NOITE, UM MEGA GANGSTER BILIONÁRIO "CONVENCEU" SEU OUVINTE, O PGR!

Anônimo disse...

A LAVA-JATO genuína é a de CURITIBA , a outra é imitação genérica , a da PGR , querendo faturar em cima da original . !!!

Anônimo disse...

Essa vergonhosa Delação da JBS, dos BATISTA, tem que ser rejeitada pelo STF. Foi feita às pressas pela PGR, os criminosos confessos não ficaram um dia sequer na CADEIA , foram perdoados e autorizados a deixar o País , imunes e impunes. !!!

Anônimo disse...

Investiguem, julguem, condenem e façam cumprir as penas. Chega de delação premiada!