PT e SDD querem nova greve geral política. A ideia é quebrar o Brasil.

CUT e Força Sindical, aparelhos sindicais do PT e do SDD, programam nova greve geral contra as reformas previdenciária e trabalhista, dia 30.

A ideia é quebrar o Brasil.

A greve é política e obliquamente defende os ladrões do dinheiro público que estão na cadeia ou em vias de entrar nela, como também objetiva derrubar o governo Temer.

18 comentários:

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKK, esse dois partidos mortos ? Podem querer o que quiser, no máximo vão juntar meia dúzia de mortadelas...

Anônimo disse...

Enquanto no Brasil existir esse partido corruPTo da ORCRIM, sempre seremos esse país desigual, anarquizado, sem perspectiva de futuro. Criminalidade em alta, sem educação, sem infraestrutura, e os políticos assaltando o país.

- Levando em consideração que não existe partido honesto. Sem mudar as leis que prendam os políticos, sem acabar com o foro privilegiado, esqueçam...! Nada mudará.

Emmanuel Carlos disse...

Mas ... por que o PGR não mandou prender a Gleise, o Lindembergh, o Lula? Por que ...? Ahhh ... já sei: são do seu partido ... e aí, a lei não vale. Tudo explicado ...

Anônimo disse...

E de uma só tacada, acabar com as reformas.
O imposto sindical vai continuar sustentando o pelegos e suas depredações, suas invasões e mau caratismo em geral.

Anônimo disse...

Fazem uma pesquisa sobre os"lideres" coxinhax Caviar desses movimentos vermelhos.São caras que vivemnababescamentes as custas dos mortadelas.

Anônimo disse...

Eles não têm é vergonha! As duas paralisações promovidas por eles, foram um fracasso.O povo já está percebendo que a manobra deles é política.Intervenção neles!

Unknown disse...

República dos Pelegos... a "saúva" do Brasil!!!

Anônimo disse...

GREVE GERAL NÃO HOUVE. MAS, SIM UMA BADERNA GERAL. TERRORISMO, VIOLÊNCIA E DITADURA PETISTA IMPEDINDO QUEM QUERIA TRABALHAR. ISSO NÃO É GREVE GERAL.

Anônimo disse...

E cadê aqueles grupos que se vestiam de verde e amarelo? Os MBL da vida? Eles não vão defender o Temer?

Marlene Gazzana disse...

Estes parasitas querem dinheiro e dobrar a população. Estão se lixando para o bem social e organização da sociedade

Anônimo disse...

NADA QUE EXÉRCITO NA RUA E PORRETE NO LOMBO DESTE SINDICALISTAS FDP NÃO RESOLVA.

Anônimo disse...

SOLIEDARIEDADE É DO PILANTRA do paulinho da força, ele nao ta nem ai com o pais quer é continuar recebendo bilhoes dos sindicatos

Anônimo disse...

greve aonde só teve greve de pneus queimando hahahhah, isto nao é greve eles fecham as garagens de onibus, fecham os metros e barcos p impedir o povo d trabalhar isto nao é greve m. nenhuma, hahhahaha

Anônimo disse...

Quebrar como? Só tem greve se impedirem o transporte publico. Coloca o exercito de prontidao para impedir bloqueios que vamos ver se tem greve mesmo!

Anônimo disse...

Caro Políbio
O Temer manterá o imposto sindical. Imperdoável!!
Esther

Anônimo disse...

E o MBL o que acha da greve? O MBL acha que o Temer é inocente? e o Aécio, seu grande patrocinador, é inocente também?

Anônimo disse...

Anônimo das 10:38h, ninguém do MBL votou na Dilma e por consequência no Temer, portanto é melhor tu cortares os pulsos para começar a ser coerente. Coerência nas esquerdas, somente depois que morrem.

Anônimo disse...

Não temos mais greves, são atos terroristas promovidos pela esquerda contra a população trabalhadora. Exército já nas ruas nestes dias de atos terroristas.