Ministros do PSDB reúnem-se com Temer para dizer que ficam no governo

 Os três ministros do PSDB estiveram na manhã deste domingo com o presidente Michel Temer, no Palácio do Jaburu, para garantir que o partido, por ora, vai continuar na base aliada. A permanência do PSDB no governo dá uma sobrevida a Temer, que enfrenta nesta semana o início do julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pode levar à cassação do seu mandato. A decisão dos tucanos é vista como um referencial para os demais partidos da base, que poderiam acompanhar a debandada. A Executiva fará reunião na quinta-feira, depois da sessão de amanhã do TSE, mas terá como objetivo fazer uma "análise de conjuntura" e não decidir se o PSDB vai deixar o governo.Desde a abertura do inquérito para investigar Temer, a ala mais jovem do PSDB, conhecida como "Cabeças Pretas", vem pressionando o partido a deixar a base

Participaram do encontro Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), Aloysio Nunes (Relações Exteriores) e Bruno Araújo (Cidades), que chegou a ameaçar entregar o cargo no dia em que a delação dos empresários do grupo J&F veio a público.

5 comentários:

Mordaz disse...

Farinhas do mesmo saco, óbvio. Não se envergonham da corrupção que praticam.

Anônimo disse...

Por enquanto a reunião do PSDB é semanal...amanhã, será diária.

Anônimo disse...

Vão morrer abraçados pelo jeito, ou seja, derrepente são cassados juntos com o traíra, afinal os dois também são investigados pelo STF.

Anônimo disse...

Aeeeeeeeer naum vamu larga a TETA!!!

Anônimo disse...

BOM ,NENHUM PARTIDO DESEMBARCOU AINDA ESTAMOS ACOMPANHANDO ŚO DESEMBARCOU 4 PARTIDECOS VERMELHOS Q ESTAO NO MEIO APOIAM O PT E O PMDB AO MESMO TEMPO
ASSIM COMO NÓS A POPULAÇAO ESTAMOS AGURDANDO NAO PODEMOS CONDENAR ANTES DA HORA- TEMOS Q PENSAR NO PAIS