IBGE diz que setor de serviços avançou em abril

O volume de serviços prestados às famílias e empresas cresceu 1,0% entre março e abril, descontada a sazonalidade, segundo a Pesquisa Mensal de Serviços do IBGE divulgada na última quarta-feira. Este resultado reverteu parcialmente a queda de 2,6% registrada em março e foi decorrente, em grande medida, da elevação de 1,0% dos serviços de transportes e de 2,0% de tecnologia da informação. Ao mesmo tempo, foi mantida a estabilidade dos serviços prestados às famílias, nessa mesma base de comparação. Com isso, a atividade do setor acumulou declínio de 4,9% nos quatro primeiros meses do ano. Na comparação inter-anual, a queda chegou a 5,6%, praticamente em linha com a mediana das expectativas do mercado, de retração de 5,8%. A receita nominal, por sua vez, subiu 0,5% na passagem de março para abril e permaneceu estável no acumulado em 12 meses. 

Os economistas do Bradesco, que enviaram esta análise para o editor, esta manhã, informam que daqui para frente haverá uma retomada bastante gradual da atividade do setor. Os resultados tendem a ser mais voláteis nessa fase de recuperação, ainda apontando para certa estabilização do consumo das famílias no curto prazo

Um comentário:

Anônimo disse...

IBGE também avisa que papai-noel vai antecipar presentes de natal este ano.