Fenabrave constata que emplacamentos de veículos cresceram na passagem de abril para maio.

Os emplacamentos de veículos, exceto máquinas agrícolas e implementos rodoviários, somaram 275 mil unidades em maio, segundo os dados divulgados ontem pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Em termos dessazonalizados, esse montante representa uma elevação de 3,9 % na passagem de abril para maio. Para tanto, as vendas de automóveis, comerciais leves, ônibus e motocicletas cresceram 3,5%, 5,9%, 2,7% e 4,4% respectivamente, na mesma base comparação. No sentido oposto, o número de caminhões emplacados recuou 0,9% na margem, ainda na série livre de efeitos sazonais. Na comparação interanual, os emplacamentos totais (também descontados os implementos rodoviários e as máquinas agrícolas) subiram 13,4%.

A recuperação do setor automotivo acontecerá de forma gradual, à medida que a demanda doméstica e os investimentos começarem a se estabilizar, segundo dizem hoje os economistas do Bradesco, que acaba, de enviar esta análise para o editor.

5 comentários:

Anônimo disse...

Boa noticia, é sinal de recuperação da economia sem endividamento do povo como aconteceu por volta de 2008 em que incentivaram o povo a gastar,depois veio a conta e o sonho acabaou,ficou o pesadelo.Hoje o crescimento é lento e sustentável como deve ocorrer com nossas familias.

Anônimo disse...

E que segundo o Temer e a imprensa pau mandada a recessão acabou.
E tem trouxa que ainda acredita, kkkkkkkkk.

Anônimo disse...

Tem petralha comprando carro novo?

Anônimo disse...

Corruptos estão legalizando os carros e transferindo para terceiros.

Anônimo disse...

ISTO NÃO VALE, não perguntaram se é verdade ou não para a GLOBO!