Dilma pede que Temer seja punido junto com ela em caso de condenação no TSE

Na undécima hora, a defesa da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) entregou, na noite desta quinta-feira aos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), um parecer que sustenta a tese de que não é possível separar as contas da petista e de Michel Temer (PMDB). 

Dilma quer que Temer seja cassado com ela, caso o TSE opte por condená-la.

O julgamento que pode cassar a chapa dela com Temer, eleita em 2014, será retomado pela corte no próximo dia 6.