Deputado lulopetista do PT obstruiu a ação da justiça e por isto foi imobilizado, algemado e preso em flagrante

Entre os invasores foram contabilizadas 10 famílias de índios levados pelo PCR ao edifício, inclusive uma família de Pataxós de Pernambuco. Explosivos foram encontrados no local.

O presidente da Associação dos Oficiais de Justiça do RS (Abojeris), Jean Gonçalves, afirmou ontem que a decisão de prender e algemar o deputado Jeferson Fernandes (PT) durante a desocupação do prédio invadida por ordem de ativistas do Partido Comunista Revolucionário, agrupados no auto-intitulado grupo Lanceiros Negros, no centro de Porto Alegre, partiu da Brigada Militar após o parlamentar instigar os manifestantes que trancavam a entrada do prédio do Estado.

O deputado do PT apoiou a invasão e é aliado dos comunistas do PCR, que prega invasões de propriedades e destruição do estado democrático de direito.

O governo estadual nunca disse que a decisão de prender o petista não foi da Brigada, até porque ele foi preso em flagrante.

13 comentários:

Pilincho disse...

Como acontece quase sempre, em ações como a que está em relevo, quem dá "a cara para bater" são os integrantes da Polícia Militar do RS - a famosa e Brigada Militar (BM) -.
Vejam como são as coisas: na hora de assumir que estava lá cumprindo ordem de despejo de autoridade competente - portanto representando o juiz que emitiu a ordem - o Oficial de Justiça preferiu deixar bem claro que a prisão em flagrante do deputado minúsculo petista, por obstrução à Justiça, NÃO partiu dele e, sim, da autoridade máxima da BM. Que belo Oficial de Justiça!
Um VIVA! à Brigada Militar, sempre pronta para cumprir missão, mesmo que seja diuturnamente criticada pelos comunistas de plantão.
Pilincho

Anônimo disse...

Polibio, na radianha da Èrebésse esse petista deu entrevista: "aquele chororô de sempre, a PM foi truculenta, la dentro tinha mulheres e criança" aquela conversinha de marginal petista de sempre, igual na prefeitura de S.leo vc entra naquela prefeitura pra resolver algum pŕoblema, da ate medo das figurinhas que tao trabalhando la

Luis disse...

AINDA ESTA NA CADEIA KKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

Tranquem esse vagabundo agitador e tratem-no a pão e água por uns quantos dias.

Anônimo disse...

Preso em flagrante???????? Onde está o BO? Conversa fiada jogaram o Deputado no xadres de uma viatura e largaram num canto da cidade.

Anônimo disse...

Polibio, pelo meno esse oficial de justiça nao defendeu o meliante lulista

Anônimo disse...

Agitador comuna, vagau!

Unknown disse...

Tem que dar uma camaçada de pau num marginal destes!!!

Anônimo disse...

polibio ataca quem defende os descamisados e atingidos pela cheia das ilhas, mas enaltece os CORRUPTOS do PMDBosta, vide eliseu quadrilha e temer....aposto que todo domingo vai a missa...

Anônimo disse...

Vendo a foto do deputado me pergunto, rolou antidopping após a prisão?

Anônimo disse...

Continuo achando que os brigadianos agiram como se fossem gentlemen!
Esse ordinário arruaceiro, que se autointitula defensor dos sem-qualquer coisa, deveria levar uma coça de relho, daqueles bem trançados feitos lá em São Luiz Gonzaga, para aprender a ser gente e democrata.
Inclusive para ter ojeriza de um dia ter sido PeTista e corruPTo!

Anônimo disse...

Esse oficial de justiça se "mixou" e tomou uma atitude covarde.
É sempre assim, tudo fica na responsabilidade do policial, pois os demais tem medo de assumir qualquer responsabilidade, mesmo que seu cargo lhe atribua. Como sempre os policiais tem as costas largas, Se dá algum problema joga a culpa nos policiais.

Anônimo disse...

Até o estado Islamico se esconde atrás de mulheres e crianças, que são usadas como escudos. Então um petista aprende logo. Covardes.