TSE afasta governador do Amazonas e determina nova eleição

Acusado de comprar votos, José Melo disse que decisão é injusta, mas que vai respeitar. Ele pode recorrer. Presidente da Assembleia assume interinamente.

Um comentário:

Anônimo disse...

Esse ex-governador, cujo partido é o criminoso PROS, chegou ao cúmulo de fazer alianças com a bandidagem presa naquele sinistro presídio de Manaus.
No momento só recordo o último nome daquela horrorosa masmorra: Jobim (coincidência ou homenagem ao ex-ministrinho nelson jobim).
Aliou-se com toda a escória social do Amazonas para ganhar as eleições. Deu no que deu. Criminalidade, corrupção, caos e povo largado à própria sorte.