Sérgio Moro mostrou ontem que o rei está nu

CLIQUE AQUI para conhecer as principais frases pronunciadas durante o interrogatório, segundo UOL.
CLIQUE AQUI para examinar os videos com as 5 horas de interrogatório.

O inédito interrogatório de um ex-presidente da República (jamais, antes, um ex-chefe de governo sentou no banco dos réus) é manchete em todos os jornais.

A foto do Correio do Povo mostra um nervosíssimo e arrogante Lula em primeiro plano, praticamente sentado de costas para seus próprios advogados, escrachado de modo displicente e provocador sobre a cadeira, olhar raivoso, narinas abertas e bufantes, cofiando o ralo bigode branco, tudo para repetir a cantilena de que não sabia de nada, que tudo é mentira e que no caso do triplex era dona Marisa quem decidia tudo.

O juiz Sérgio Moro mostrou com racionalidade, cordialidade, educação e firmeza que rei está nu.

As redes sociais pegaram o mote e sugerem que a próxima audiência ocorra num centro espírita, invocada a presença de dona Marisa, a verdadeira culpada pelo que fez o chefe da organização criminosa.

O juiz Sérgio Moro conduziu o interrogatório sem cair nas pegadinhas de Lula e sem permitir seu requentado discurso de líder popular.

O saldo de ontem em Curitiba é de que Lula sentou no banco dos réus e que seu Partido, o PT, e seu braço sindical, a CUT, não conseguem mais botar povo na rua para defender ladrões do dinheiro público.