Franceses poderáo eleger o centrista Macron neste domingo

A foto é do site do Le Monde, esta manhã.

Até meio-dia do horário local (4 horas de diferença sobre Porto Alegre), a taxa de comparecimento às urnas francesas era de 28,23%, segundo o Ministério do Interior.

O voto não é obrigatório.

O  índice se mantém estável em relação ao primeiro turno. Na eleição de 2012, a taxa de comparecimento no mesmo horário era de 30,7%. 

O candidato centrista Emanuelle Macron é o favorito contra a direitista Marine Le Pen, segundo os institutos de pesquisa.

Os resultados sairão hoje e o eleito tomará posse no dia 14 de maio.