Câmara aprova MP dos saques do FGTS. MP ainda terá que ser votada pelo Senado.

Sem esta votação, serão colocados em risco R$ 12 bilhões dos R$ 39 bilhões que estão disponíveis.

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira, em votação simbólica, a medida provisória que autoriza o saque do dinheiro de contas inativas do FGTS. 

A medida ainda precisa passar pelo Senado antes de 1º de junho, quando perde a validade. 

Caso não seja votada a tempo, trabalhadores nascidos entre setembro e dezembro podem perder o direito de sacar os recursos.

Nenhum comentário: