Artigo, Pedro Dias Leite, O Globo - Delação abala a imagem da presidente honesta

Fac simile de mensagem via e-mail seguro criado por Dilma para avisos de malfeitos com o casal João Santana.
CLIQUE AQUI para saber mais sobre os crimes do e-mail.


Um dos argumentos mais poderosos em defesa de Dilma Rousseff durante o processo de impeachment, no ano passado, era o de que se tratava do julgamento de uma pessoa honesta feito por políticos desonestos.

Afinal, de um lado estava o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), um dos principais articuladores do afastamento e alvo de um processo no Conselho de Ética por ter contas secretas na Suíça. Hoje, cumpre pena em Curitiba.

Do outro, Dilma, uma presidente contra quem não pesava, pessoalmente, uma acusação sequer de corrupção.

“Saibam que estão julgando uma mulher honesta, uma lutadora de causas justas. Tenho orgulho de ser a primeira mulher eleita presidenta do Brasil. Nestes anos, exerci meu mandato de forma digna e honesta. Honrei os votos que recebi”, dizia a defesa que Dilma enviou ao Senado, em 6 de julho de 2016.

A delação do marqueteiro João Santana e de sua mulher, Mônica Moura, abala o argumento que sustentava essa narrativa.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

19 comentários:

Unknown disse...

Mais uma vez FHC estava errado ao proteger seus comparsas comunistas!!!

Unknown disse...

TERRORISTA CRIMINOSA FESTEJA A DATA DO ATENTADO CRIMINOSO A UM QUARTEL DO EXÉRCITO!!!
http://www.oantagonista.com/posts/dilma-2606

Anônimo disse...

BOMBA- O E MAIL CRIADO PRA DILMA SE COMUNICAR COM A MARQUETEIRA AS ESCONDIDAS, TEM O NOME DA MULHER DO EX PRESIDENTE QUE ERA MILITAR - A MULHER DELE ERA IOLANDA, E O NUMERO É O DO DIA DA MORTE DO SOLDADO MARIO EM 68 QUANDO DILMA E SUA GANGUE VERMELHA JOGARAM DINAMITE E ATINGIU O SOLDADO MARIO DE 18 ANOS QUE TRABALHAVA INOCENTEMENTE E FOI LITERALMENTE EXPLODIDO

Unknown disse...

Dilma 2606
Brasil 13.05.17 09:17

O número contido no e-mail clandestino 2606iolanda@gmail.com, usado por Dilma Rousseff para avisar João Santana e Mônica Moura sobre os avanços da Lava Jato, é tão emblemático quanto o nome da mulher do general Costa e Silva, Iolanda Barbosa.

Foi em 26 de junho de 1968 – 26/06, portanto – que o seu grupo, a Vanguarda Popular Revolucionária, acelerou um carro-bomba, com vinte 20 quilos de dinamite, para dentro de um Quartel General em São Paulo, despedaçando o corpo do soldado Mário Kozel Filho, de 18 anos, e ferindo mais seis militares.

Kozel foi somente o primeiro dos oito assassinados pela VPR nos tempos de Dilma e ainda haveria mais cinco pela VAR-Palmares e três pelo Colina, os outros dois grupos que ela integrou na luta armada.

Em mais uma amostra de como a história se repete como farsa, a data da morte de Kozel poderá selar, também, a "morte" de Dilma, no sentido de cadeia que o código terrorista lhe confere.

O Antagonista

Anônimo disse...

GGN REVELA O CARÁTER RIDÍCULO DAS EVIDÊNCIAS DE MÔNICA E JOÃO SANTANA CONTRA DILMA. Entre as provas anexadas na delação premiada da esposa de João Santana estão: senha de Wifi, passagem de avião, agenda onde consta "compromisso com a tia", arquivo de Word e uma conta de Gmail de onde e-mails nunca foram disparados, aponta a jornalista Cíntia Alves....

PS: Já está ficando rídiculo o desespero dos facistas que querem que esta corja da dieita se apoderou do governo via PSDB/MBL/DEM/PMDB se mantenha no poder. Deixem de serem cínicos, babacas retardados. Até agora, todas as acusações destas porcarias de delações contra Lula e Dilma foram detonadas pela defesa. Nenhum dos delatores conseguiu provar acusações contra Lula e Dilma, até porque se eles tivessem comprovado, como nem Lula nem Dilma têm foro privilegiado, já estariam presos, ou seja, qualquer juiz de primeiro grau pode prende-los. Já a turma do PSDB, PMDB, traira, DEMOs, etc.é só o STF.

E os que não tem foro privilegiado, como a mulher do Cunha, além de não mandar prender "provisoamente" o juiz moro manda devolver o passaporte, com pedido de desculpa, ou é mentira?

Anônimo disse...

Ainda não é suficiente. Qualquer um pode abrir uma conta no Gmail. Como posso ter certeza que foi Dilma? Muito fraco, precisa muito mais...

Anônimo disse...

Acabaram de passar perto minha janela uma dupla de honestos que honestamente fizeram uma ocupação na bolsa de uma coxinha e eles farão uma redistribuição esquerdopaticamente justa de renda, parte para eles e a outra para os traficantes. Tem todo o perfil para serem os novos candidatos do PT para a presidência do Brasil!

Anônimo disse...

HOMOFOBIA NA DIREITA: MAINARDI MANDA REINALDO DAR A BUNDA:Treta da pesada na extrema direita brasileira nesta tarde; depois que Reinaldo Azevedo postou que Diogo Mainardi pretende ser o chefe da Polícia Federal num regime fascista, o antigo amigo – e agora rival – revidou, com uma agressão homofóbica: "vai dar a bunda, Reinaldo"; o desentendimento se deve à postura de ambos na Lava Jato: enquanto Reinaldo acusa o juiz Sergio Moro de pisotear o Estado de direito, Mainardi cultua o juiz paranaense.....

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
SENSACIONALISTA: REINALDO E MAINARDI TERÃO PERNOITE EM MOTEL PARA RESOLVER DIFERENÇAS: O site de humor Sensacionalista ironizou a rusga entre os ex-companheiros Diogo Mainardi e Reinaldo Azevedo oferecendo um pernoite em motel, para que os dois resolvam suas questões ideológicas....

Anônimo disse...

ADVOGADO DE JOÃO SANTANA É IRMÃO DE PROCURADOR DA LAVA JATO. brasil 247. A defesa do publicitário João Santana está sendo feita por Rodrigo Castor de Mattos, advogado criminalista e irmão do procurador Diogo Castor de Mattos (foto), membro da força-tarefa da Operação Lava Jato; o advogado enviou no último dia 17 de abril uma procuração ao juiz Sérgio Moro pedindo sua inclusão como representante legal do publicitário numa ação penal; o Ministério Público Federal em Curitiba argumenta que o procurador Diogo Castor não atuou nem atua em nenhum dos casos ou processos da Lava Jato que envolvem João Santana, e que, portanto, não há problema....

PS: Perguntar não ofende: Nenhum risco de obter informação privilegiada sobre as investigações da Lava Jato feita pelo MPF? Ou é mentira que até a imprensa marom glace recebe informações privilegiadas da Lava Jato?

ARS disse...

Imagem que só existia na mente de asseclas corruPTos.

Anônimo disse...

ISTO NÃO EXISTE, CEGOS não tem imagem!

Anônimo disse...

https://www.makaangola.org/2017/05/odebrecht-pagou-a-vitoria-do-mpla-e-de-dos-santos-nas-eleicoes-de-2012/

Anônimo disse...

A ESQUERDA MORREU, LULA ESTÁ MORIBUNDO, DILMA FOICE (se eu escrever foi-se nenhum zumbi esquerdista entenderá!)

Adilson disse...

A desastrada epopeia de Lula & Dilma

País que teve tudo para ser Primeiro Mundo
Regrediu quando fez uma molecagem
E, mesmo percebendo que errou, ao
Saber da existência do Mensalão & Mensaleiros,
Ignorou e em 2006 novamente apoiou o Lula e o PT.
Dilma, inacreditável até para ela,
Em 2010 foi eleita Presidente do Brasil!
Nnessa eleição não houve oposição pra valer.
Trôpega oposição e novamente Dilma em 2014. Mas, como?
A dinheirama nos caixas 2 embriagou oposição e eleitores.

Habilidoso, sagaz e dominador,
O Lula perdeu o controle sobre Dilma. Estranho, mas perdeu.
Narcisíca destrambelhada e rodeada por cobras criadas,
Ela, a ex-guerrilheira, acreditou ser Mestra em Economia e
Subverteu princípios, históricos e a lógica. UM DESASTRE!
Tartaruga Dilma ouviu o conselho de Mônica: Nova imagem
A faria poderosa e revolucionaria o Brasil e o Mundo!

Anônimo disse...

O blog está cheio de mortandelas (10:54, 10:43, 10:37).
Vão fazer algo de útil.
Vão comprar presentes pras "mamis" de vocês.
Aliás, nenhuma mãe merece o desgosto de ter gerado e criado filho PeTralha corruPTo.

Anônimo disse...

BRITO DETALHA A “INCRÍVEL, FANTÁSTICA, EXTRAORDINÁRIA” HISTÓRIA DO EMAIL: Jornalista Fernando Brito, do Tijolaço, diz que tudo indica que o rascunho do email que Mônica Moura diz ter trocado com Dilma Rousseff foi criado numa data e horário em que, "muito provavelmente, já se tinha notícia da prisão" dela e de seu marido, João Santana; para ele, "o suprassumo da história é o fato de a conta e o rascunho continuar por lá"; há ainda diversos outros detalhes grotescos, como a criação da senha com o nome da mulher do general Costa e Silva; "prova" do email virou piada na internet...

Anônimo disse...

O papel da imprensa no julgamento de Lula. João Filho. 13/05/2017
Do The Intercept Brasil. DEPOIS DE VAZAR ilegalmente para a Globo conversas particulares de Lula, de pedir o apoio da opinião pública através da imprensa, de ter discursado em eventos patrocinados por políticos do PSDB, de ter sua esposa dando entrevistas e aparecendo em capas de revistas, de assistir docilmente diversos vazamentos ilegais — e condenar apenas um, justamente o que em tese favoreceria a Lula — , o juiz Sérgio Moro teve a coragem de afirmar não ter nada a ver com o que é publicado pela imprensa.

“o senhor tem essas reclamações com a imprensa, e eu compreendo, mas o juiz não tem nenhuma relação com o que a imprensa publica ou não publica, e esses processos são públicos”.

Moro afronta a realidade dos fatos na tentativa de conferir legitimidade a um processo que já está caracterizado como uma briga entre um juiz e um réu. Quem acompanha minimamente o noticiário nos últimos anos, sabe que Moro encarnou com gosto o papel de mocinho no espetáculo midiático em que Lula já foi condenado como vilão. A narrativa da luta do mocinho implacável contra a corrupção versus o bandidão-chefe de quadrilha brilhou nas manchetes de jornais e capas de revista. É compreensível a tentativa de Moro em querer minimizar o papel da imprensa no caso, mesmo tendo em diversos momentos do interrogatório sustentado suas afirmações com base em publicações da grande mídia.

O clima de embate político instalado durante os dias que se antecederam ao depoimento se confirmou na quarta-feira. Apesar de a tropa de choque de jornalistas da Globo News passar a noite inteira amenizando o caráter político da atuação de Moro e ressaltando o de Lula, o que se viu em boa parte do interrogatório foi, sim, um debate político entre um juiz e um réu, por mais inacreditável que isso possa parecer.

Dos integrantes da tropa de choque destacada para cobrir o caso, Dony De Nuccio, Natuza Nery, Merval Pereira, Eliane Cantanhêde e Cristiana Lobo demonstraram claramente de que lado estavam. Havia uma premissa clara em todas as análises: Lula é culpado.

Cristiana Lobo, talvez empolgada pela grande sacada, repetiu por várias vezes ao vivo na Globo News algo como “Voltou o Lula do mensalão, que não sabia de nada”.

A surrada carta do “Lula não sabia de nada” voltou para o espetáculo....

Anônimo disse...

Dessa vez, eles provam suas alegações não com a falta de provas, em virtude do Lula mandar destruir provas, dessa vez as escavações revelaram fios de cobre. Fios de cobre encontrados em escavações só pode significar que na antiguidade já tinha telégrafo elétrico. As provas são irrefutáveis: uma senha de wi-fi e um arquivo não do powerpoint mas do word.

Por falar em senha de wi-fi, um garoto foi a um velório. Lá chegando pergunta para alguém próximo da família enlutada qual é a senha do wi-fi. Esta lhe diz: "Respeite o Morto". O Garoto pergunta-lhe: Respeite o morto com maiúscula ou com minúscula.

Anônimo disse...

Só mega-hiper-super-otários um dia acreditaram na história de honesta.