Artigo, Miguel Reale Júnior, Estadão - Roteiro de uma destruição

Ao lado, Reale Júnior na votação do impeachment.

Não devemos contar com salvadores da Pátria, quem redime o País é o voto consciente.     

Fatos avassaladores foram trazidos à luz pelas delações dos executivos da Odebrecht, em declarações transmitidas pelas redes sociais e de televisão. Lula, o Amigo, foi desmascarado: de líder da esquerda a “bon-vivant”. O interesse nacional, segundo os delatores, ficou sempre em segundo plano ante o interesse pessoal. No caso de Lula, feliz dono do triplex, tal ocorreu em diversos momentos, mas também na vida de líderes dos principais partidos, PMDB, PSDB, DEM, PP, PSD, PDT...

Quais as razões desse desastre da política brasileira? Em recente trabalho, José de Souza Martins diz: “Temos o capitalismo da ‘lei de Gerson’, o capitalismo da corrupção”. E conclui: “Nesses últimos 30 anos o Brasil aniquilou a política e a esperança política” (Coletânea O Brasil no Contexto 1987-2017). Por que tal se deu com a redemocratização?


A destruição da política iniciou-se na Constituinte e seu principal responsável foi Sarney, com a compra dos cinco anos de mandato e a imposição do presidencialismo gerador da ingovernabilidade e da crise entre Poderes.

CLIQUE AQUI para ler mais.

6 comentários:

Anônimo disse...


Que decepção. Que decepção.

O editor não publicou, mais uma vez, meus comentários de ontem, contrários ao bolivarismo ladrão, genocida.

É censura ou ameaça imposta pelos bolivarianos ao editor?

Por que o editor retirou do blog o resultado da enquete para presidente em 2018, onde Dória já estava com 66% ao final do dia? E Lulladrão estava na lanterna. Só os institutos de pesquisas do Lulladrão deram vantagem para o molusco fedido.

O editor já foi enquadrado pelo Lullopetismo?

Anônimo disse...

que senhor brilhante o jurista miguel reale junior, muio lindo com mais de 84 anos continua incansavel firme e forte com apoio de 93% do brasil, parabens e
cadeia no 9 dedos e na dilmandioca que acabaram com nosso pais, deixaram os pobres agonizando ,roubaram idodos, 14 milhoes de desempregados, mais da metade do povo endividado sem ter como pagar as dividas, empresas endividadas e falidas... pt partideco nanico levou uma surras nas urnas , perdeu em todas capitais e nas cidades grandes, xo pt

Anônimo disse...



O senador Aluísio Nunes é um traidor do Brasil, que fez esta barbárie de lei da Imigração, que deveria se chamar Legalização do Entreguismo.

Todos os bandidos do Congresso e do Planalto, como Aluísio Nunes e seus cúmplices no Senado, como o ladrão-presidente do Brasil, o libanês Michel Temer e seus ministros notáveis-bandidos,
NÃO FIZERAM NENHUMA LEI QUE PROTEJA O POVO SOBERANO ROUBADO.

O povo brasileiro está sendo roubado de todas as maneiras: seu voto nas criminosas urnas eletrônicas, seu salário, seu território com ouro e minérios (através do criminoso projeto bolivariano de Imigração), sua aposentadoria, sua saúde, sua segurança, e o futuro de seus filhos e netos.

Anônimo disse...



O senador Aluísio Nunes é um traidor do Brasil, que fez esta barbárie de lei da Imigração, que deveria se chamar Legalização do Entreguismo.

Todos os bandidos do Congresso e do Planalto, como Aluísio Nunes e seus cúmplices no Senado, como o ladrão-presidente do Brasil, o libanês Michel Temer e seus ministros notáveis-bandidos,
NÃO FIZERAM NENHUMA LEI QUE PROTEJA O POVO SOBERANO ROUBADO.

O povo brasileiro está sendo roubado de todas as maneiras: seu voto nas criminosas urnas eletrônicas, seu salário, seu território com ouro e minérios (através do criminoso projeto bolivariano de Imigração), sua aposentadoria, sua saúde, sua segurança, e o futuro de seus filhos e netos.

Cosip disse...

O que acharam da declaração que o triplex é um minha casa minha vida de 3 andares?

Anônimo disse...

parabens ao tucano e acima de tudo brasileiro, jurista brilhante dr. miguel.r. junior ele e a dra. janaina paschoal professora da USP estes 2 me representam