sexta-feira, 7 de abril de 2017

Promotores do Natal Luz perdem de novo, desta vez em, ação penal contra blogueiro de Canela, RS

Os promotores Max Képez (Max é o da direita) e Antonio Guazzeli, sofreram nova derrota no âmbito das cinco dezenas de ações cíveis (cíveis, perderam 28 das 30, até agora), desta vez no caso do processo criminal que o MPE moveu em defesa da dupla contra o blogueiro de Canela, RS, Rodrigo Cadorin

Foi negado total  provimento à apelação do MP/RS à sentença do juiz do primeiro grau, de Canela, RS.

A decisão é de primeira instância foi do juiz de Canela.

O jornalista Rodrigo Cadorin ainda recorre na esfera cível.

CLIQUE AQUI para examinar a sentença do juiz de Canela. O acórdão da 3a. Câmara criminal do TJE não está disponível.

3 comentários:

Anônimo disse...

No Brasil roubam ate do PAPAI NOEL kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Promotores arruinaram o Natal Luz de Gramado, fizeram e aconteceram, acusaram muitas pessoas, colocaram inúmeras famílias na lama, o promotor foi embora de Gramado, mas o povo agora paga a conta de um evento falido com várias críticas que ano após ano está pior.

Anônimo disse...



Depois que o MP abriu processo contra os pais que perderam os filhos na Boate Kiss, processar blogueiro vai bem na direção das funções essenciais que os promotores desempenham.

Vocês conseguem ver que nosso MP e TCE pouco funcionam neste mar de corrupção que assola o Brasil. Não é de certa forma, estranho?