Preço da cesta básica ficou 4,75% mais barata este ano, mas a de Porto Alegre segue sendo a mais cara do País

As famílias mais pobres estão pagando 4,75% menos pelos alimentos básicos neste ano.

Em março de 2017, a Cesta Básica de Porto Alegre calculada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) registrou variação de 0,39% passando de R$ 435,51 em fevereiro de 2017 para os atuais R$ 437,22.

Neste ano, a cesta registrou queda de 4,75% e em 12 meses a variação ficou em 3,88%.

A carne, produto de maior peso no gasto mensal foi o único item que se manteve estável e não teve alteração de valor.

Em março, o custo do conjunto de alimentos essenciais aumentou em 20 das 27 capitais brasileiras. Porto Alegre (R$ 437,22), possui a cesta básica mais cara do país, de R$ 437,22 seguida por São Paulo, R$ 435,34.