segunda-feira, 3 de abril de 2017

Nos últimos 10 anos, TSE só pediu cassação de mandato de três governadores

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que iniciará amanhã o julgamento mais importante de sua história – o pedido de cassação da chapa Dilma-Temer – é uma corte com pouca tradição em condenar governantes.

Ao longo dos últimos 10 anos, de todos os processos que chegaram à Suprema Corte Eleitoral, apenas três redundaram em cassação: Marcelo Miranda (PMDB-TO), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) e Jackson Lago (PDT-MA).

Todos esses perderam os mandatos antes de 2010. Da turma eleita em 2014, 12 governadores estão sendo processados, seja ainda em nível estadual (TREs) ou em nível nacional. No TSE, nenhuma condenação.

5 comentários:

Anônimo disse...

Tá torcendo pro Drácula né?

Anônimo disse...

Depois desse caso,,,,vai ser um efeito cascata em todo o Brasil em todos os cargos.
Pode anotar.

Unknown disse...

Cortes de Suprema Impunidade... covil de safados!!!

Anônimo disse...

Lógico que Temer não será cassado, vão é tentar dar mais 'legalidade' a elle.

E com isso elle estenderá mandato até 2022.

Anônimo disse...

quanto custam esses tribnais