Moro quer que KPMG diga se auditoria flagrou roubos de Lula na Petrobrás

O juiz federal Sérgio Moro mandou a empresa de auditoria KPMG informar "se, durante a realização de auditoria na Petrobras, foi identificado algum ato de corrupção ou ato ilícito com a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva". O magistrado estabeleceu o prazo de 30 dias.

 "Solicito a Vossa Senhoria que informe a este Juízo, o prazo de 30 dias, se, durante a realização de auditoria na Petrobras, foi identificado algum ato de corrupção ou ato ilícito com a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com, se positivo, o envio de cópia", determinou Moro.

A solicitação foi feita em 13 de março e anexada no dia 31 aos autos da ação penal na qual o petista é réu por corrupção e lavagem de dinheiro. Lula responde ao processo que o liga a contratos firmados entre a Petrobras e a Construtora Norberto Odebrecht S/A.

Nesta denúncia, a propina, equivalente a porcentuais de 2% a 3% dos oito contratos celebrados entre a Petrobras e a Odebrecht, seria de R$ 75.434.399,44.

CLIQUE AQUI para saber tudo.

17 comentários:

Anônimo disse...

Quem for apoiar o Lula terá que SER DECLARADO CÚMPLICE PELA JUSTIÇA e CONDENADO A PAGAR O QUE DEVE, nem que seja em CAMINHÕES DE MORTADELAS A PRESTAÇÕES e ser obrigado a escrever dez mil vezes, COM FISCALIZAÇÃO JUDICIAL:
NÃO APOIO MAIS OS LADRÕES DILMA E LULA.

Anônimo disse...

Pronto. Moro vai ter que absolver o Lula porque esta prova jamais irá existir.

Auditoria se baseia em documentos.

Podem até apontar algum desvio mas necessariamente terão que indicar quem o fez e quais são as provas nas quais baseiam a sua tese.

Este processo vai virar galinha morta.

Anônimo disse...

Moro é ingênuo se acha que Lula, pessoalmente, deixou suas digitais nisso!!! Se o juiz espera por provas diretas contra Lula para condená-lo, seria melhor extinguir logo todos os processos, por falta de provas!! Lula tem milhares de fanáticos e laranjas Brasil afora que dariam cabo à própria vida se o Jararaca mandar!!!

Anônimo disse...

É evidente que a auditoria não encontrou corrupção na Petrobras, se tivesse encontrado não teria sido contratada para este trabalho.

A corrupção foi encontrada só porque as pessoas falaram, esta auditoria e tantas outras nas estatais, é apenas para atender a obrigação estabelecida na Lei das SA.

NENHUMA AUDITORIA em ESTAIS funciona para encontrar corrupção.


Anônimo disse...

Então não teve, porque se tivesse já tinham vazado para a imprensa marrom glace, mesmo porque não foi o PT ou alguém ligado ao PT que mandou fazer a auditoria, nem a empresa é ligada ao PeTeeeeee.

Anônimo disse...

Que engraçado o Moro buscando provas com este nível de ativismo, em um órgão não judiciário, seria porque ele não tem petebas de provas?

Anônimo disse...

- ISSO QUER DIZER QUE MORO NÃO TEM PROVAS CONTRA LULA!!!

- PREPAREM-SE PARA MAIS DUAS DÉCADAS DE PETISMO!!!

- E APROVEITEM PARA FECHAR O JUDICIÁRIO, QUE ESTÁ DEMONSTRANDO TODA SUA INUTILIDADE PARA COIBIR A AÇÃO DOS LADRÕES DO ERÁRIO!!!!

Anônimo disse...

A KPMG é uma empresa externa, sujeita a normas de primeiro mundo, diferente do Bananistao. Se tiverem alguma prova e a ocultarem a casa deles cai, a nivel mundial. Além disso a auditoria não sabe a extensão das provas coletadas pela Justiça Brasileira. Em suma, estão numa sinuca de bico. Tomara que entreguem o rato barbudo cramulhão de Garanhuns.

Anônimo disse...

LULA na cadeia, está chegando a hora.!!!

Anônimo disse...

E vai que lulla é sócio-oculto desta empresa ?

Anônimo disse...

O Moro deve procurar pulgas e carrapatos no couro do Lula, pois até agora nem os dedo duros covardes, que não aguentam o xilindró indicaram com o seus dedos endurecidos, delitos do petista mor.

Anônimo disse...

Toda a cúpula do partido ladrão, está na cadeia. Só está faltando o chefão, o Don Corleone. O chefão é inocente, nada sabia, nada via, de fato é a alma mais honesta e ética destepaiz. PSICOPATA....!!!!!

Anônimo disse...




Foi o Luladrão quem decidiu tudo sobre a Previdência Rural, a aposentadoria dos companheiros petralhas do MST e do MTST, sem necessidade de contribuição!

O déficit da Previdência Rural já passou de R$100 bilhões, 2/3 de todo o déficit da Previdência Social (rural + urbana).

Está cheio de fraudes na previ Rural, envolvendo altos políticos do PT, funcionários da Previ e beneficiados.

E o trabalhador urbano é quem sustenta, subsidia a aposentadoria do MST e MTST, pois os vagabundos não precisam contribuir, mas se aposentam mesmo assim!!!

Anônimo disse...




Foi o Luladrão quem decidiu tudo sobre a Previdência Rural, a aposentadoria dos companheiros petralhas do MST e do MTST, sem necessidade de contribuição!

O déficit da Previdência Rural já passou de R$100 bilhões, 2/3 de todo o déficit da Previdência Social (rural + urbana).

Está cheio de fraudes na previ Rural, envolvendo altos políticos do PT, funcionários da Previ e beneficiados.

E o trabalhador urbano é quem sustenta, subsidia a aposentadoria do MST e MTST, pois os vagabundos não precisam contribuir, mas se aposentam mesmo assim!!!

Anônimo disse...



Foi o Luladrão quem decidiu tudo sobre a Previdência Rural, a aposentadoria dos companheiros petralhas do MST e do MTST, sem necessidade de contribuição!

O déficit da Previdência Rural já passou de R$100 bilhões, 2/3 de todo o déficit da Previdência Social (rural + urbana).

Está cheio de fraudes na previ Rural, envolvendo altos políticos do PT, funcionários da Previ e beneficiados.

E o trabalhador urbano é quem sustenta, subsidia a aposentadoria do MST e MTST, pois os vagabundos não precisam contribuir, mas se aposentam mesmo assim!!!

Anônimo disse...



Foi o Luladrão quem decidiu tudo sobre a Previdência Rural, a aposentadoria dos companheiros petralhas do MST e do MTST, sem necessidade de contribuição!

O déficit da Previdência Rural já passou de R$100 bilhões, 2/3 de todo o déficit da Previdência Social (rural + urbana).

Está cheio de fraudes na previ Rural, envolvendo altos políticos do PT, funcionários da Previ e beneficiados.

E o trabalhador urbano é quem sustenta, subsidia a aposentadoria do MST e MTST, pois os vagabundos não precisam contribuir, mas se aposentam mesmo assim!!!

Anônimo disse...

Ora, se a KPMG tivesse alguma prova já deveria ter informado nos balanços da empresa. Se não o fez, é lógico que não o fará agora, a pedido da justiça. Seria o fim da KPMG, afinal a empresa de auditoria é obrigada a informar a administração de eventuais fraudes, e se não corrigidas, deve torná-las públicas através do parecer.
Agora sejamos francos, parecer de auditoria se baseia em relatórios e documentos. Seja em empresas públicas ou privadas, o objetivo das auditorias externas, feitas por empresas privadas, nunca foi descobrir fraudes.
Além do mais, eu não considero adequado que as empresas de auditoria também possam ser consultorias tributárias. Sei que não fazem as duas coisas, ao mesmo tempo para a mesma empresa, mas com o tempo, e a obrigatória troca das empresa de auditoria, as agora consultorias futuramente serão as auditorias.