terça-feira, 4 de abril de 2017

Ministério Público toca dois inquéritos criminais sobre o Caso Badesul

Está sob condução do promotor Nilson de Oliveira Rodrigues Filho os dois inquéritos criminais abertos sobre os desmandos ocorridos no Badesul durante o governo Tarso Genro.

Várias cabeças coroadas já caíram no banco, mas a responsabilidade do governador do PT depende de investigações que a maioria dos deputados estaduais boicota, já que a CPI do Badesul não emplaca por falta de duas assinaturas.

7 comentários:

Unknown disse...

Tarso... o Exterminador do Futuro do RS... quem viver comprovará!!!
Alô TCE-RS... baita incompetência e comprometimento aprovar as contas deste crápula, e ainda com louvor!!!

Anônimo disse...

ALÔ Policia Federal! Vocês já botaram na cadeia os CONSELHEIROS LARÁPIOS
DO TCE do Rio de Janeiro. O que é que estão esperando parade?? fazer o mesmo no TCE do Rio Grande??? Isto está cheirando a discriminação, estão achando
que os larápios do Rio são melhores que os do RIO GRANDE???
ABAIXO A DISCRIMINAÇÃO, PF NO TCE RS jà!!!

Anônimo disse...

Aí boto fé. Investigação com seriedade, comprovação de crimes e processos criminais com as respectivas condenações.

Anônimo disse...

Depois do que se está vendo o que é o TCE do Rio,(por enquanto)os TCEs de todos os estados estão sob suspeita.
O comportamento do TCE do Rio explica o comportamento estranho que de há muito temos oportunidade de nos surpreender.
Essa do "louvor"às contas do Tarso,foi uma das surpresas.Ou suspeitas?

Anônimo disse...

TCE LADRÃO JULGANDO CONTAS DE LADRÕES KKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

Bueno, pela figura do presidente do nosso TCE, o tal marco pixote é possível auferir o tamanho do estrago que o dito vai fazer nas contas públicas do estado. Um sujeito desses que logrou até o próprio irmão, lá prás bandas de Santiago do Boqueirão, onde quem não é bandido é ladrão ... .

Anônimo disse...

Espero que o MP gaúcho cumpra essa difícil tarefa de investigar e levar à julgamento no TJ essa barbaridade cometida pelo desgoverno tarso genro!