terça-feira, 18 de abril de 2017

Marcelo S. Portugal, Zero Hora - Odebrecht e o capitalismo de compadres

- O autor é professor titular na UFRGS, Ph.D. em Economia

O capitalismo gerou o maior desenvolvimento já visto na história humana. Desde seu início, o nível de renda da população do planeta Terra cresce aceleradamente. O padrão de vida das pessoas e os indicadores sociais melhoraram mais nos últimos 250 anos do que em toda a história da humanidade até então.

O capitalismo é um sistema de competição. No qual empresas competem no mercado tentando obter lucros ao oferecer bens e serviços que são mais baratos ou melhores que aqueles produzidos pelos seus concorrentes. É a competição, o mercado, os consumidores que determinam quais são as empresas bem-sucedidas. Aquelas que lucram mais e prosperam.

No Brasil tem se intensificado nos últimos anos uma espécie de capitalismo distinto. É o chamado Capitalismo de Compadres ou Capitalismo de Laços ou ou Capitalismo de Estado ou ainda, como chamam os ingleses, Crony Capitalism.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

5 comentários:

Anônimo disse...

ACHO QUE PORTUGAL FOI MUITO FRACO! AS EMPREITEIRAS COMO QUALQUER GRANDE EMPRESA, NÃO SÃO ANJOS OU VESTAIS! PRECISAM GANHAR MERCADO, GANHAR LICITAÇÕES, TER LOBBY (AUTÊNTICO), TER BONS LUCROS E PAGAR SUAS SUB-EMPREITEIRAS. EM ADIÇÃO, CORREM O RISCO DE CALOTE OU ATRASO EM OBRAS PÚBLICAS.

ORA, CABE AO PODER PÚBLICO CRIAR O QUE JÁ EXISTE DESDE 1860 NOS EUA OU QQ PAÍS CIVILIZADO: PERFORMANCE BOND, OU SEJA, EMPRESAS SEGURADORAS, QUE ATUAM COMO INTERMEDIÁRIAS ENTRE AS EMPREITEIRAS E OS ÓRGÃOS PUBLICOS JUSTAMENTE PARA EVISTAR CORRUPÇÃO! ELAS CONTROLAM O GASTO, A QUALIDADE DO MATERIAL, OS PAGAMENTOS PARCELADOS, OS CRONOGRAMAS E IMPÕE MULTAS EM CASO DE ATRASO. PRONTO. BINGO! MAS ISSO POLÍTICA ODEIA, POIS MATA A GALINHA DOS OVOS DE OURO.

BOA SUGESTÃO PARA DÓRIA EM 2018 OU PARA AS FORÇAS ARMADAS, SE PEGARAM NO PEDAÇO!

Mordaz disse...

Foi o capitalismo de dinheiro público.

Anônimo disse...

O que temos no Brasil está muito longe do capitalismo, é um arremedo de saqueadores com cores ideológicas num mix com outros canalhas.

Anônimo disse...



A campanha massiva contra os servidores públicos se explica na operação Lava a Jato.

PPP's, terceirizações, obras de grande porte são exemplos dos meios de roubar o dinheiro público.

Imaginem a quantidade de empresas e políticos que se utilizam destes meios pelo Brasil a fora.

A origem de todas as crises no Brasil começa ai.





Unknown disse...

Alguém lúcido na esquerdalha UFRGS... que bom!!!