sexta-feira, 7 de abril de 2017

Casal Santana acusa Dilma, Lula e Mantega pelo uso de dinheiro sujo da Odebrecht

Nesta reportagem de André Guilherme Vieira e Maíra Magro, o jornal Valor Econômico revela que as delações do marqueteiro João Santana e de sua mulher, Mônica Moura, resultarão, segundo apurou o Valor, em abertura de inquéritos para investigar os ex-presidentes Lula e Dilma Roussef, além do tesoureiro da campanha presidencial de 2014, Edinho Silva, e do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega. O casal detalhou as operações com caixa 2 e pagamento de propinas nas campanhas eleitorais em que atuaram. Lula, Dilma e Mantega não ocupam mais função pública e, por isso, perderam o privilégio de foro. As investigações ficarão sob a tutela do juiz Sergio Moro

Santana foi o marqueteiro das campanhas presidenciais vitoriosas de Lula, em 2006, e de Dilma em 2010 e em 2014. Em julho de 2016, o casal afirmou ao juiz Sergio Moro que os US$ 4,5 milhões recebidos de dinheiro sujo do operador de propinas Zwi Skornicki, era dinheiro destinado à campanha eleitoral de Dilma em 2010.


Em depoimento ao ministro relator da ação de cassação da chapa Dilma-Temer nop TSE, Herman Benjamin, o ex-executivo e delator da Odebrecht Fernando Migliaccio disse que repassou de US$ 15 milhões a US$ 20 milhões para Mônica Moura, em 2013 e 2014, originados no Setor de Operações Estruturadas, o departamento de propinas da Odebrecht. Migliaccio disse que desses US$ 15 milhões a US$ 20 milhões, uma parcela de um total de R$ 16 milhões foi paga no Brasil. "Não sei se a totalidade, mas grande parte", afirmou

8 comentários:

Unknown disse...

Injustiça... os Pinóchios não sabiam de nada, não viam nada, não ouviam nada...
É mentira do João Santana e da sua esposa!!!
Quá, quá, quá... acreditem quem for mortadela, militonto, abilolado, petralha, comunista, populista e bolivariano!!!

Anônimo disse...

Não precisa mais acusar lulla. Vamos combinar que em qualquer caso, o nome dele deve ser incluído, apenas para poupar tempo.

Anônimo disse...

o editor chapa branca é insistente, o próprio artigo corrige o editor, a chapa é Dilma/traíra, mesmo porque os faXistas são taXativos em afirmar que o traíra teve os mesmos 54 milhões de votos da Dilma. Ora, se teve os mesmos votos deve ser responsabilizado na mesma proporção, com o agravante que o traíra se reunião no Palácio Jaburú, pessoalmente, com Marcelo Odbrech para pedir $ e recebeu um checão nominal de 1 milhão.

Unknown disse...

Blindados pelo sistema de cagões nacionais que não tem peito para fazer valer o Estado de Direito que, a duras penas, conquistamos!!!

Anônimo disse...

Iludiram o povo com mentiras e os jogaram na maior miséria já vista no país. Não temos mais Saúde, mas parte do dinheiro sai do Brasil direto para Cuba, deixando de circular no país. Conforme estatística recente a Educação está no auge da destruição, sem investimentos as escolas estão quebradas, sujas e professores recebendo salário de miséria. Com 13 milhões de trabalhadores desempregados, muitos país de família, pois as Empresas não suportaram pagar tantos impostos. Enfim, esse é o saldo da gestão de dois irresponsáveis e incompetentes.

Anônimo disse...

Está passando da hora a prisão de LULA .!!!

Anônimo disse...

O que a justiça está esperando prá colocar na cadeia, esse crápula...???

Anônimo disse...

NUM TEM PORVAS!!!