domingo, 12 de março de 2017

Rigoroso, homossexual, ministro que julga Dilma e Temer quer chegar ao Supremo

Nesta reportagem da Folha de hoje, as repórteres Letícia Casado e Marina Dias contam que o ministro Herman Benjamin é admirado por se assumir homossexual, tratando de forma aberta o tema no ambiente conservador do Judiciário. Benjamin disse à Folha que isso não atrapalha seu trabalho nos tribunais superiores: "Não tenho como fazer juízo de valor sobre a percepção que terceiros têm da vida das pessoas e colegas". O magistrado elogia o ambiente de trabalho "extraordinário" do STJ.
Diz que é um "Tribunal da Cidadania", preocupado em zelar "fora e internamente, pelo respeito à dignidade da pessoa humana, sem discriminação de gênero, orientação sexual, raça, religião ou origem geográfica". 

Leia mais:

Não era sua especialidade, mas o ministro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) Herman Benjamin decidiu fazer desta a ação de sua vida.

E não era para menos. Aos 59 anos, o paraibano Antonio Herman de Vasconcellos e Benjamin é o relator do maior processo da história do tribunal, que pode cassar, por abuso de poder político e econômico, a chapa presidencial composta por Dilma Rousseff e Michel Temer nas eleições de 2014.
Precisou deixar de lado causas de direito ambiental e do consumidor, áreas nas quais é referência, para se debruçar com rotina quase acadêmica –com inúmeras horas de estudo e levantamento de detalhes– ao financiamento eleitoral.

Seu voto será histórico, e ele sabe disso. A amigos confidenciou recentemente que apresentará seu parecer em abril, antes do fim do mandato dos ministros Henrique Neves e Luciana Lóssio.

CLIQUE AQUI para ler toda a reportagem.

16 comentários:

Anônimo disse...

e dai que é homo...nao entendi o que isto tem a ver....cada um q cuide do seu nariz

cade as algemas da dilma lesa patria isto é o que quer 93% do brasil

Anônimo disse...

Seria curioso um negro ter relatado o mensalão e um gay a cassação da chapa do pt. É aquilo: o castigo demora, mas vem, neste ou no outro mundo.

Anônimo disse...

O Ministro Herman Benjamin, do TSE, foi indicado por LULA , e votou favoravelmente , várias vezes, a favor de DIRCEU e DILMA . O fato de ser homossexual constitui grande vulnerabilidade para o Ministro . Uma coisa é declarar-se homossexual e outra é alguém usar essa vulnerabilidade e apresentar , por exemplo, um vídeo com uma performance do Ministro nas redes sociais. Daí a vulnerabilidade ! Esse é o nó górdio ! Esse Ministro , tão VULNERAVEL , irá julgar se o Presidente da República do BRASIL, o Presidente Temer, terá ou não seu MANDATO CASSADO .!!! 5

Anônimo disse...

O Ministro Herman Benjamin, do TSE, foi indicado por LULA , e votou favoravelmente , várias vezes, a favor de DIRCEU e DILMA . O fato de ser homossexual constitui grande vulnerabilidade para o Ministro . Uma coisa é declarar-se homossexual e outra é alguém usar essa vulnerabilidade e apresentar , por exemplo, um vídeo com uma performance do Ministro nas redes sociais. Daí a vulnerabilidade ! Esse é o nó górdio ! Esse Ministro , tão VULNERAVEL , irá julgar se o Presidente da República do BRASIL, o Presidente Temer, terá ou não seu MANDATO CASSADO. !!!

Anônimo disse...

Homossexualidade agora faz parte do curriculum vitae e do cartão de apresentação da pessoa, como se isso, por si só, fosse um diferencial importante para a atividade profissional? Por exemplo: João das Couves, 40 anos, homossexual, engenheiro, PHD, consultor. Isso é atitude típica da esquerda, que enfatiza a luta de classes como processo revolucionário, ainda mais com o discurso batido do "tribunal da cidadania" ou do "respeito à dignidade da pessoa humana"! Não estranhem o veredicto.

Anônimo disse...

SE CASSAR DILMA PODE IR AO STF. QUAL PROBLEMA?

NÃO IMPORTA SEU SEXO.

Anônimo disse...

Caro Políbio
Soube agora que o ministro é homossexual, mas, confesso que ao vê-lo na TV pensei que se tratasse de uma mulher, esquisita, é fato, mas, uma mulher.
Esther

Anônimo disse...

Não me parece um bom predicado ser homossexual, ainda mais para um cargo desta importância. Imaginem se o dito cujo, ao dar sua sentença, estiver "naqueles dias" especiais que acometem esta turma!!! Pode sair qualquer coisa ...!

Anônimo disse...

Parabéns por sua coragem! Mas independente de sua orientação sexual espero que retire os direitos políticos da Dilmandioca que arrasou com o Brasil.

Mr. Lincoln disse...

Ó anônimo das 14:39: que "cada um cuide do seu nariz"? Melhor dirias "que cada um cuide da sua AMPOLA RETAL" RSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS...

Anônimo disse...

Tudo bem o leitor das 14: 23h, cada um que cuide do seu nariz.
O problema é que o dito cujo não esta cuidando é do seu rabo.

Anônimo disse...

Quanto preconceito...e se fosse a performance de uma ministra?
Ei...alo...2017...cambio...

Luiz Oliveira disse...

Especialista em direito ambiental e do consumidor tratando de um tema desse naipe? Estranho isso.

Anônimo disse...


É indicado de Lula?

Então ele vai fazer muita cera, aparecer bastante, como Ricardo Levandowski, Marco Aurélio Mello, Gilmar Mendes, Rodrigo Janot, depois vai arquivar o processo por falta de prova, à favor de Dilmaléfica e do Temeroso!!

Aguardem a certeza de mais uma marmelada, tal qual o Impeachment fatiado da vaca louca!!! Tudo cena. Alguém viu o documento com as assinaturas de Levandowski e Reinão Calheiros?

Anônimo disse...

A orientação sexual nada tem a ver com o trabalho e a competência do Ministro. Bem mostra que tem muita gente mal informada neste país. Por isso pagamos o preço de entregarem o país ao Luladrão e a Dilmandioca.

Anônimo disse...

Se homossexualismo fosse uma virtude , porque tanto vea..os como lésbicas, etc. ficam furiosos quando assim são chamados, mesmo por brincadeira?