terça-feira, 21 de março de 2017

Raul Randon diz ao Valor como enxerga a crise atual, depois de 68 anos apostando no Brasil

Nesta reportagem do jornal Valor de hoje, o industrial gaúcho de Caxias do Sul, Raul Randon, confessa que se tivesse uma fábrica de sapatos pegava as máquinas e ia embora. 

Leia toda a reportagem:

É difícil pedir a quem trabalha há 68 anos como empresário no Brasil uma comparação entre crises passadas e o atual momento econômico. Aos 87 anos de idade e no batente desde os 14, Raul Randon, sócio-fundador da Randon, já perdeu a conta dos momentos difíceis que o desafiaram. Foi em meio a cenários muitas vezes adversos que ele ergueu uma das maiores empresas da indústria do transporte do país.

Nem sempre, porém, esse neto de imigrantes italianos deu-se mal com a instabilidade macroeconômica. 

(...)

Raul Anselmo Randon recebeu o Valor na sede da companhia, em Caxias do Sul (RS), pouco antes de o procurador-geral Rodrigo Janot enviar uma lista ao Supremo para investigar políticos citados em delações de executivos da Odebrecht. Para o empresário, Michel Temer deveria "ser resguardado" nessa fase a fim de evitar que as coisas piorem.

No cargo de presidente do conselho da companhia, Randon reclama do excesso de leis e de pessoal no governo. Acredita que serão necessários de 15 a 20 anos para o Brasil voltar ao que era há dez.

Valor: O senhor é empresário no Brasil desde 1949. Como compara o atual momento com as diversas crises que já presenciou?
 Raul Randon: O país está pior.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

20 comentários:

Anônimo disse...

qualquer um vê que o país esta pior...

da ate saudade dos anos 70, 80 que, mesmo estando nos atrasados em relação ao mundo, a vida cotidiana, que é a que importa, era bem melhor, principalmente referente aos indicadores de qualidade de vida, como segurança publica, moradia e por ai vai...

Anônimo disse...

Grande RANDON, tem que pegar as máquinas e ir embora mesmo, até o Paraguay é melhor.

Anônimo disse...

EM RESUMO SÓ NÃO VAI EMBORA PORQUE ESTA VELHO... O BRASIL FOI PHODIDO PELO PT E PELO POVINHO IGNORANTE E VAGABUNDO... FUIIIII

Anônimo disse...

Deixe eu fazer uma pergunta Sr.empresário: por acaso o Sr.apoiou algum petista em eleições passadas? Se a resposta foi sim, então não reclame. Se for não, sinto muito.

Anônimo disse...

O que Randon disse é a mais pura verdade, corrigir as cacacas feitas nos últimos 14 anos vai demorar bastante. Prender o chefe de tudo isto vai ajudar a acelerar a recuperação, pois vai dar um recado direto a todos os que não tem vergonha na cara.

Anônimo disse...

Gringo trabalhador e investidor e fazedor e inovador. Abramo Eberle, Mario Andreazza Higino Corseti e outros tantos mais...
Joel

Anônimo disse...

A Randon nunca vendeu tanto como nos anos em que o PT esteve no poder.
Gostaria que seu chefe nos mostrasse este comparativo

Anônimo disse...

sim muitas empresas ganharam muito dinheiro no governo do PT uma pergunta onde foi este dinheiro evaporou nas contas dos empregados será???

Unknown disse...

Deve ter vendido muito mesmo. Emitiu milhões em notas fiscais e o dinheiro sumiu na corrupção. Agora o que sobrou, deve estar gastando em indenizações para demitir funcionários. No que mesmo o PT melhorou?

Rosângela disse...

O que ninguém fala é que não foi um partido que roubou foram muitos! Tanto que o partido mencionado esta a 14 anos no poder e antes disso o Sarnei governou e o povo não tinha nenhum direito FHC governou privatizou muitas empresas Collor nem precisa dizer mas o PT é crucificado!! Po favor esse governo atual golpista esta tirando direitos trabalhistas, cortando aposentadoria, tercerizando o trabalho e esse bando ignorante achando que foi um partido que acabou com esta país que já nasceu explorado pelos portugueses e por todos que passaram pelo governo!! Abram os olhos povo deixem de ser alienados e deixem de ser marionetes da globo e de pensar como senso comum. Reflexão e conhecimento faz bem é um ótimo aliado para construção de um pais.

Rosângela disse...

Esquecem que empresários são responsáveis pela exploração do trabalhador pagam salários miseráveis que não sustentam uma família e so visam lucro e o trabalhador é tratado como mercadoria pois vende sua força de trabalho e é explorado por iguais a Raul Randon!!

Aurora Software disse...

Sim, deve ter vendido mesmo, com uma economia maquiada para bobo ver, mas uma hora a conta vinha e veio agora, foi-se tirando dinheiro de aqui, de ali e acolá para sugestionar uma grande economia que não havia e agora veio a ressaca

Rosângela disse...

Povinho vagabundo e ignorante porque governos eleitos por pessoas de classe média que não servem para nada apoiam empresários e governos a aprovarem leis que precarizam o trabalho e tiram direitos dos trabalhadores!Um pais que não respeita a CF/88 não respeita a justiça sem ética e alienado!! Um povo que é capturado pela mídia que é de direita e burguesa que aliena quem a consome.Talvez se a classe média que não é rica( não detém os meios de produção)e não quer ser pobre pois consome o que não pode para parecer o que não é, com diz Bauman uma sociedade de aparências onde tudo é liquido. Alienação é cegueira!!

Rosângela disse...

A pessoa acima esquece de mencionar que entre as décadas de 70/80 não tínhamos a CF/88 não havia direitos consolidados como Seguridade social!A vida era muito difícil!Tudo isso q vc mencionou não existia para 90% do povo que não tinha nada!! É bom conhecer o passado para pensar o futuro.

WINTER disse...

Bela entrevista, Brasil como nos anos 70 80 e 90, que nossos pais reclamavam que tinha que trabalhar pesado, tudo difícil e longe, NUNCA MAIS na minha opinião.

Hoje os poderes e a tecnologia permitem roubar milhões, se esconder, camuflar em um simples clic no computador as vezes, e a falta de honestidade, educação e escrúpulo desta geração que hoje governa... tende a piorar com as crianças de hoje vivendo esta sociedade.

Se possível vou até pra Índia!!! que melhor...

Jascivan carvalho disse...

Trabalho na Randon a quase 40'anos e posso testemunhar que os colaboradores dessa empresa não são explorados porque além do salário que ē compatível com a realidade local temos ainda assistência médica, dentária, escolar, ajuda formação superior e participação nos resultados, além disso sei que o meu patrão Sr Raul Randon investe tudo o que ganha em território brasileiro contrariamente ao que fazem muitos outros empresários nacionais . Obrigado , Jascivan Varvalho

Marcelo disse...

Para Antônio.
se eu não entendo de um assunto eu fico quieto.
Não vá mais as urnas por favor.

Anônimo disse...

Bom dia Jascivan Varvalho, trabalho na Fras-le a 4,6 anos estou com tendinite, bursite e escoliose na coluna, o médico do trabalho pediu para transferir de função desde de novembro do ano passado até agora o RH não fez isso, so querem cada dia mais produtividade, nem insalubridade pagam o Sr aca isso justo!

Anônimo disse...

Empresário um dia ele foi pobre ele é rico agora porque teve coragem de investir no seu trabalho com muito esforço e coragem não dá pra falar mal deles quem seria nós pobres sem emprego devemos falar mal e do governo que siga os empresários onestos para dar dinheiro aos empresários de fachada culpa nossa mesmo que vendemos nosso voto por moradia e sexta básica

Anônimo disse...

QUE IMPLICANCIA COM O PT .ANALISEM OS NOMES DOS ENVOLVIDOS,TEM DE TODOS OS PARTIDOS .PORTANTO ANALISEM COM CALMA.NAO SOBRA UM PRA CONTAR A HISTORIA.