sábado, 11 de março de 2017

Polícia vai pedir prisão de duas escolares que supostamente estrangularam a menina Marta em Cachoeirinha

Marta, a menina assassinada.
O pai de Marta quer que os pais das colegas que supostamente a mataram sejam também penalizados.

A polícia gaúcha indiciará por homicídio duas das três adolescentes envolvidas em estrangulamento da colega. O delegado do caso  também pedirá internação de duas garotas que teriam asfixiado Marta Avelhaneda Gonçalves, 14 anos, durante uma briga em escola de Cachoeirinha, Grande Porto Alegre. O assassinato aconteceu na última quarta-feira, quando as garotas brigaram e Marta foi estrangulada. A terceira adolescente envolvida pode não ser indiciada pelo homicídio, por ter buscado socorro para a vítima, chamando os professores

O assassinato da menina Marta causou comoção entre colegas e familiares de Marta pela descoberta de que ela foi asfixiada

O delegado da 1ª Delegacia de Polícia de Cachoeirinha, Leonel Baldasso, avisou:

- Elas (as assassinas) não parecem mostrar arrependimento e ainda se contradizem. Até o momento, soa menos como acidente e mais como homicídio causado pelo excesso com os braços, que causou o sufocamento.

17 comentários:

Anônimo disse...

quando cairem no tal internato vao perceber a cag...da que fizeram...

o sistema "educacional" do país é um completo lixo...

Anônimo disse...

Nas guerras tribais na África existem milhares de soldados crianças e pré adolescentes. São soldados extremamente cruéis e matam mulher, velho, criança, tudo que se mexe matam...
Explicação psicológica: elas ainda não formaram um base de valores morais.

Assim, essas menores que mataram a colega, não possuem qualquer base moral, e por isso carecem de arrependimento.

O pior bandido é o infantil.

sempre mais disse...

Meninas assassinas com muito ódio . O que está acontecendo neste país? Cadeia nelas! Sabem muito bem o que fizeram!

Rosimari disse...

vagabundas,com essa idade já são bandidas imagina quando ficarem mais velhas,os pais tem que serem punidos sim por deixarem de educar essas monstras que destruíram uma família´talvez inveja da menina.

Anônimo disse...

Ainda não noticiaram o motivo do conflito.
Foi por que a menina era bonita? Por que era branca? Por que se vestia bem? Por que se vestia mal? Foi algum outro motivo?

Mordaz disse...

Delegado fala demais e investiga de menos. Nem ouviu a turma ainda e já tá dando veredito.

Anônimo disse...

Estas são as escolas que temos e o que ensinam.....

Anônimo disse...

A que ponto chegamos: meninas de 12 a 13 anos e já assassinas! É um horror! Retrato dos dias atuais de um mundo paganizado e seduzido pelo consumismo. O que será que estas meninas assassinas aprendem em suas famílias, para fazerem o que fizeram? Entendo o pai da menina assassinada em querer imputar a culpa também aos seus pais. Bons exemplos, é certo que elas não tem em casa.

Alberto disse...

De todos absurdos no RS, esse foi o maior e pior.

Marcelo disse...

Demorou, isso de fazerem bullying com alunos novos e acharem "normal" já passou dos limites.

Anônimo disse...

Esta responsabilidade deve ser financeira, pois aí sentirão muito mais o mal terrível mal feito de suas "anjinhas".

Anônimo disse...

temo por esta familia, vai ser um jogo de empurra empurra, nunca ninguem sera punido

Anônimo disse...

14 anos que tristeza! escola militar para ensino fundamental urgente !

Anônimo disse...

Elas têm 12 anos... Não pegamos nem medida sócio-educativa...

visionst3 disse...

temos uma criança que foi brutalmente assassinada, uma familia aos prantos, q confiou sua criança aos cuidados do Estado, me digam para que? para que?

Anônimo disse...

Esse é o aprendizado que estão tendo com professores fazendo greve a todo tempo. Professores e alunos sem limites. E Justiça que nada faz. LIXO de Sociedade.

Anônimo disse...

Instituiram a pena de morte para a colega. Só a Justiça que não quer aplicá-la. As assassinas deveriam ter o mesmo fim. Onde estavam as professoras que não viram? Planejando a greve?