segunda-feira, 13 de março de 2017

Osmar Terra diz que governo não vê necessidade de ampliar Bolsa Família

O ministro do desenvolvimento social e agrário, Osmar Terra, disse nesta segunda-feira não ver necessidade de ampliação do programa Bolsa Família, conforme sugeriu em relatório o Banco Mundial.

Segundo ele, o governo Michel Temer conseguiu zerar neste ano a fila de espera do programa, ao abrir novas vagas com a retirada de 1,5 milhão de beneficiários irregulares em 2016.

"Eu não sei de onde o Banco Mundial tirou essa... A não ser que queiram nos colocar a pecha de governo que não se preocupa com os pobres. Os organismos internacionais estão contaminados com essa visão", disse, durante discurso em evento no Rio.

7 comentários:

sempre mais disse...

Banco Mundial é comandado por comunistas. Querem igualar todos na miséria. Só sei que sou contra o bolsa família, trabalho muito para sustentar esses vagabundos que nos colocaram na situação que estamos(atraves do voto irresponsável).

Cap Caverna disse...

Esse tal de bolsa família, foi criado inicialmente para trazer uma ajuda extra as famílias em situação de miséria, por um prazo máximo de 14 meses, mas aí, veio o PT e viu a chance de se perpetuar no poder, alimentando uma legião de famintos e safados malandros, e ao invés de criarem empregos à esta massa, os deixou dependente desses valores e na ociosidade, mas como retorno deveriam votar neles, sempre! Agora isso está acabando, e em pouco tempo, nós pagadores de impostos, estaremos livres desse verdadeiro afronte a dignidade humana! Milenar ditado chinês: não dê o peixe, e sim os ensina a pescar!

Anônimo disse...

No Brasil há muita ingerência internacional, acho que passou da hora de algum órgão de inteligência, se é que existe, começar a inibir ingerências em nosdo país, quer seja de ONGs, Igrejas ou organismos internacionais.

Anônimo disse...

Banco Mundial, ONU, oea e comunidade europeia só tem esquerdista. Eles não falam uma vírgula de Cuba e Venezuela.

Anônimo disse...

Mas bolsa-empresário pode e continua rolando a torto e a direito nesse governo, assim como, no anterior.

Anônimo disse...


Só no Brasil o vagabundo é premiado com dinheiro de quem rala todos os dias.

Coisa dos petralhas bolivarianos fedidos, pra benefício próprio.
Tinha até vereador de esquerda recebendo Bolsa Família.

Por que não dar só comida em vários restaurantes populares, ou ranchos mensais, e ter albergues pros sem teto?

Está errado dar dinheiro, que pode ser usado pra comprar craque e cachaça, em detrimento das crianças.

Anônimo disse...

Bem, agora só falta darem trabalho para estes que voces chamam de 'vagabundos'. Mas aí não dão ou dão um salário de miséria. Como é fácil falar da situação dos outros. E sempre esta coisa de esquerda, direita,..... Lamentável.