Moro põe em sigilo depoimento do patriarca da Odebrecht

O juiz federal Sérgio Moro determinou que o depoimento do delator da Operação Lava-Jato e patriarca do grupo empresarial, Emílio Alves Odebrecht, seja mantido em sigilo. 

A decisão atende a pedido da defesa de Emilio Odebrecht e atinge também o depoimento do executivo Marcio Faria, ligado à empreiteira.