Folha diz que Tramontina comprou madeira de serraria que usou trabalho escravo

 O jornal Folha de S. Paulo denuncia em sua edição de hoje que a rede que fornece madeira para os utensílios domésticos da Tramontina incluiu, em anos recentes, uma serraria flagrada com trabalho escravo contemporâneo. A fabricante abastece no Brasil as lojas do Walmart, do Carrefour e do Grupo Pão de Açúcar, entre elas o Ponto Frio, as Casas Bahia e o Extra.com.

Procurada pela reportagem, a empresa afirmou que interrompeu as compras ao tomar conhecimento dos problemas da serraria que cometia o crime (leia a resposta completa da Tramontina)

A rede de relações comerciais que liga as marcas brasileiras e internacionais às serrarias foi descoberta pela Repórter Brasil e confirmada pelas empresas.

CLIQUE AQUI para ler toda a ampla reportagem, que trata de madeira explorada ilegalmente e vendida dentro e fora do País. É um trabalho de fôlego.

15 comentários:

Anônimo disse...

NADA A VER ESSE ASSUNTO.O PIOR DOS PIORES,É VER OS LADRÕES DO PT SOLTO AINDA.SAQUEARAM O PAÍS TODO E AINDA FALAM QUE SÃO CANDIDATOS PARA O SENADO E PRESIDÊNCIA.UMA MADEIRA QUE FOI USADA NOS TEMPOS DOS ESCRAVOS,É FALTA DO QUE FAZER...BRASIL É ISSO E NÃO ADIANTA.

Anônimo disse...

Qual problema?


E os 25 milhões de desempregados?


Em Brasília tem ratos maiores.

Hoje ninguém trabalha de graça;

Coisa de advogado isso....

Anônimo disse...

Talheres chineses que entram usam em toda a cadeia de produção trabalho escravo. Destruam a tramontina e deixem entrar livremente quinquilharia chinesa.

Anônimo disse...

E eu paguei impostos para o governo do PT, então sou corruPTo também?

Anônimo disse...

E o papel com que é feito o jornal que publicou a "denúncia", não é de madeireira que emprega trabalho escravo?

Anônimo disse...

Zafaris também vende editor....

Luiz Vargas disse...

Jornalzinho de m3rd4.
Quer colocar no olho do furacão (para desviar a atenção do quê?)uma empresa do país que dá certo, gera milhares de empregos e milhões ou bilhões em impostos. Se a empresa não tivesse tomado providência após saber do problema até poderia ser criticada, mas parece que não foi este o caso.
Quanto ao trabalho escravo que o governo submete milhões de contribuintes ao não corrigir as tabelas de imposto de renda este jornalzinho de m3rd4 chamado folha de São Paulo não dá um pio. Os escravos chamados contribuintes estão proporcionando a este governo eivado de corruptos uma arrecadação de aproximadamente 100 BILHÕES sem que tenha que mover um músculo, sem medida provisória e sem o crivo do congresso nacional. E ainda querem mais: querem cravar no lombo dos trabalhadores uma reforma da previdência que tem por objetivo tampar os rombos estratosféricos causados por uma classe política podre de corrupta.

Anônimo disse...

Trabalho escravo existe em todo o país. Operários de supermercados e de shoppings centers trabalham inclusive nos domingos, de pé, sem acesso ao seu celular, aos domingos e o pior, saem as 22 horas rumo as suas casas, ficando horas em paradas desertas a mercê da bandidagem. Tiram seu dia de folga para ir ao médico para tratar sequelas das oito horas de trabalho em pé. E o governo ainda acredita que aos 65 anos ainda terão condições de trabalhar. É uma hipocrisia falar de trabalho escravo neste país. O que diverge da China?

Anônimo disse...

Não vão conseguir destruir a Tramontina. Só prejudica-la pois perderá muito tempo para explicar aos clientes do exterior.
Isto é cobra mandada ou de concorrentes nacionais ou estrangeiros ou do PT e seus ladrões que querem criar notícias visando abafar os efeitos da lava-jato.
Não vão conseguir.

Anônimo disse...

Todos sabemos o quanto tendenciosas são as matérias jornalisticas que tratam destes assuntos, bem como o viés ideológico que permeia as fiscalização efetuadas. No mínimo não possuem qualquer noção de como se processa o trabalho nesses ambientes, dando normalmente voz a interesses escusos que guiam os denunciantes. Não é por outro motivo que o próprio MT está tratando os casos com maior acuidade. O esforço em emparedar a TRAMONTINA resta evidente nas perguntas conduzidas de forma até nojenta pelo repórter. São urubus atras de carniça, nada mais que isso.

Anônimo disse...

Todo povo brasileiro é escravo da corrupção generalizada instalada no país.

Anônimo disse...

Brasileiros que pagaram 2 bilhões por erro de cálculo na energia elétrica, são o que ? > patos ou escravos ?

Anônimo disse...

Eu tenho um sobrinho que é jornalista formado na PUC-RS, trabalha na folha até hoje - 13março17 - este sobrinho defende o PT no jornal e diz que é tudo mentira o que falam do partido da honestidade e da ética.

Anônimo disse...

Até tu, Tramontina?...

Anônimo disse...

Eu comprei uma coifa de inox. que agora vi foi fabricada na China ao invés de Carlos Barbosa !

Como vou saber se na confecção dessa coifa foi feita por escravos ou escravas !

Vai saber ....