Esta professora disputa a vaga do ministro Alexandre Moraes. Ela falará, hoje, em Porto Alegre.

A Associação Gaúcha dos Advogados Trabalhistas (Agetra), resolveu apresentar nesta quinta-feira , 19h, no auditório da Faculdade de Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, um debate inútil com aquilo que intitulam anticandidata feminista ao Supremo Tribunal Federal, Beatriz Vargas Ramos, professora de Direito Penal e Criminologia na Universidade de Brasília (UnB).

Beatriz se presta.

A ideia é confrontar as regras do jogo - a guerra comunista permanente de Vo Nguyen Giap, mesmo com aliados que possuem líderes enfiados na cadeia como ferozes larápios do dinheiro público.

Ela disputa a vaga já preenchida pelo ministro Alexandre Moraes.