DEM avisa ao ministro Meirelles que votará contra a reforma da previdência

O recuo do governo em relação a pontos da reforma da previdência começou a encorpar depois que percebeu que estava sendo atacado pela esquerda e pela direita.

O caso emblemático pela direita foi acompanhado de perto pelo editor, ontem a tarde, quando o líder Efraim Pinheiro reuniu a bancada do DEM para emparedar o ministro Henrique Meirelles e o secretário da Previdência, Marcelo Caetano.

Ambos foram moídos.

A bancada do DEM na Câmara avisou que voará contra a reforma.