Totalidade dos eleitores gaúchos deverá votar pelo sistema biométrico em 2022

Os eleitores de pelo menos 97 cidades do Rio Grande do Sul vão passar pelo processo de cadastramento biométrico em 2017. Conforme o Tribunal Regional Eleitoral, mais de 287 mil gaúchos vão realizar o procedimento, que deve ser iniciado em alguns municípios em 6 de março.

Ainda segundo o TRE, também devem ser realizadas revisões de biometria onde o cadastramento já foi feito, além de atualização cadastral. A revisão já foi concluída em 326 municípios. A previsão é de que o recadastramento biométrico seja concluído, em todos os municípios do estado, para as eleições de 2022.

2 comentários:

Anônimo disse...

Desperdício de dinheiro. Quanto se esta gastando para isso? Quanto custa um voto por eleitor. Toda essa parafernália para eleger um bando de calhordas. O voto não deveria ser obrigatório para forçar os políticos trabalhar. deveríamos ter é o recall para todos os níveis. Sistema biométrico é ultrapassado, pois já existe um sistema mais barato e seguro é votar via internet onde o voto vai direto no site do TST. Um sistema que só é usado de dois em dois anos? Um absurdo. è a calça de veludo com o fiofó de fora.
Joel

Anônimo disse...

Palhaçada! Lixo de país! A saída para o bostil se chama aeroporto!!!