Segunda parte do pacote de Sartori irá a voto apenas depois do Carnaval

O governo Sartori não insistirá pra votar este mês a segunda e mais importante parte do seu pacote de reorganização administrativa e ajuste fiscal.

Isto inclui a PEC 259/2016 que autoriza vender CEEE, CRM e Sulgás sem a realização de plebiscito.

Ficará tudo para depois do Carnaval, março.

Até lá, o governo espera ter fechado os termos do acordo de repactuação da dívida com a União, que dependerão do aval da Assembléia.