Opinião do editor - Chegou a vez de meter na cadeia os líderes dos aliados in pectore do PT, os do PMDB

Esta 38a. fase da Operação Lava Jato mira novamente o PMDB, membro ativo da organização criminosa montada e operada pelo PT durante os governos Lula e Dilma Roussef (leia a seguir).
Como todos os principais líderes e operadores do PT estão na cadeia ou em vias de ir para o xadrez, faltando apenas os dois chefes - Lula e Dilma - chegou a vez do aliado in pectore durante os 14 anos de roubalheira na Petrobrás, o PMDB.
A Polícia Federal foi às ruas, nesta manhã, para prender o lobista Jorge Luz, um dos mais antigos operadores da Petrobras, em nova fase da Lava Jato. Ligado ao senador Jader Barbalho (PMDB-PA), ele é acusado de arrecadar recursos para o PMDB no Senado, para parlamentares como Renan Calheiros (PMDB-AL) e Romero Jucá (PMDB-RR). Mas não só.

4 comentários:

Anônimo disse...

Que inocência, Polibio... Temer virou presidente exatamente pra isso não acontecer...

Anônimo disse...

Só vou acreditar no futuro do Brasil se jader, réunan, collor, lula, caju, eunicio, gleise, paulo bernardo, pimentel, jaquer vagner, lindberg, aecio, pezao, sarney e família, lobobao, maluf, gabrielli, rrenice, dilma,graça foster e a quase totalidade de políticos que comprovadamente foram pegos na lavajato.

Anônimo disse...

Esses? Raposas felpudas, profissionais da política. Sabem todos os desvios e curvas possíveis para se safar. Mas.... Ficaremos na torcida de um país mais justo, onde teremos direito à Saúde, Educação e Segurança para todos.

Anônimo disse...

Cadeia para todos os corruptos, sem exceção!