terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Janot pede abertura de inquérito contra Sarney, Jucá, Renan e Sérgio Machado

O procurador-geral da República Rodrigo Janot pediu ontem ao STF abertura de inquérito contra o ex-presidente José Sarney (PMDB-MA), os senadores Romero Jucá (PMDB-RR) e Renan Calheiros (PMDB-AL) e o ex-diretor da Transpetro, subsidiária da Petrobras, Sérgio Machado, por crime de obstrução às investigações na Operação Lava Jato.

Escreveu Janot em um trecho da petição:

"É chocante, nesse sentido, ouvir o senador Romero Jucá admitir, a certa altura, que é crucial 'cortar as asas' da Justiça e do Ministério Público, aduzindo que a solução para isso seria a Assembleia Constituinte que ele e seu grupo político estão planejando para 2018".

9 comentários:

Anônimo disse...

Nojo !
Ate quando vai a tolerância e os bons modos do brasileiro ?

Unknown disse...

Lerolero... mimimi... justiça que falha porque tarda!!!

Anônimo disse...

Onde estão os comentários indignados dos combatentes da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA e da ESCUMALHA que vem roubando o país há gerações???? Bando de hipócritas de protestos e indignações seletivas!!!!

Anônimo disse...

O Machado fez a delação mais premiada da Lava Jato, onde manteve a mansão e os seus filhos tiveram as mesmas regalias só porque armou contra os grandões do PMDB.
Dá para escutar o silêncio que existe nos nomes do PT, nenhum foi citado, apesar do partido ter mandado no BR durante os 13 anos. Agora o Rui Falcão, presidente do PT quer que quebrem o sigilo das delações da Odebretch, tem carroço neste angu... Será que perderam medo ou já sabem quem foi delatado????

Anônimo disse...

mas o janot tem a faisca atrasada.....ou foi proposital a demora em tomar essa atitude??? essa é a nossa "justissa" brazileira....

Anônimo disse...



Permissão para processar ladrões, esta é boa.

Se fosse um país sério já estariam em prisão perpétua, ou condenados à morte.

E ainda querem constituinte?

Mas aí sim.

Mr. Lincoln disse...

O PT é mais que um partido, é uma seita oriunda da Teologia da Libertação. Aqueles que a detestam, criaram uma CONTRA SEITA de obcecados inimigos, o “santo ofício Anti PT”, que após porejar nas redes sociais, deve andar se reunindo nos seus sabás, em templos bizarros, à luz de velas de sebo de defunto nas sombras da lua nova, exorcizando e criando estratégias "anti petralha".
Enquanto isso, o "presidente não eleito" da república, tenta colocar no supremo tribunal do país um correligionário próximo, "in pectu", para tentar salvar as cabeças dos honoráveis Jucá, Renan, Sarney, Aécio, a sua própria e a de muitos mais, da inevitável, fatal, guilhotina de Janot e Moro.
Ao que parece, vem chegando a hora dos "petralhas" lavarem a égua...

Anônimo disse...

EMBARAÇO À LAVA JATO FOI O GOLPE, JANOT

07/02/2017 - Brasil 247

Com muitos meses de atraso, o procurador-geral Rodrigo Janot decidiu denunciar o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e sua turma por obstrução de Justiça e "embaraço à Lava Jato"; ao oferecer a denúncia, Janot praticamente valida o que disse Jucá, quando o senador afirmou que era necessário derrubar Dilma para "parar essa porra e estancar a sangria"; ou seja, está mais do que claro que o golpe foi, como disse o escritor Miguel Sousa Tavares, uma assembleia de bandidos presidida por um bandido, o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para derrubar Dilma Rousseff, a presidente honesta; a saída honrosa, para Janot e o STF, deveria ser encampar a bandeira da anulação do golpe.

PS: Esperou esfriar o caso para depois agir, não vai levar o JN e a Globo em Geral não vão fazer "fiasco" todo dia, como fizeram contra Dilma, e algum Ministro do STF vai sentar em cima até prescrever. Agora tudo é festa para a casa grande, depois de derrubar um (a) presidente sem derramar uma gota de sangue.

Anônimo disse...


duvido que alguns desses ladrões será punido