sábado, 11 de fevereiro de 2017

Greve criminosa de PMs ainda não terminou no Espírito Santo

Na manhã deste sábado, as mulheres dos policiais militares continuam protestando em frente aos batalhões, na Grande Vitória. Apesar de na noite de sexta-feira, as associações representantes dos PMs e membros do governo do Espírito Santo entrarem em acordo, no início desta manhã, a situação continua a mesma. A informação é confirmada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp). 

A informação é do jornal A Gazeta, de Vitória.

Durante a tarde, o jornal informou que muitos PMs foram para as ruas, enquanto tropas do Exército ampliam o domínio sobre a área da segurança pública, contendo a criminalidade.

Ao lado, balanço que o G1 fez sobre a crise do Espírito Santo.

A ordem é endurecer com os "grevistas", 730 dos quais responderão por motim e serão expulsos da PM, caso não haja algum tipo de anistia, o que seria desmoralizante e incentivaria outros PMs a cometer os mesmos crimesw.

12 comentários:

Alberto disse...

Só mesmo nessa Repubiqueta de quinta categoria que um bando de mulheres impede policiais de sairem às ruas deixando um Estado inteiro virado no caos onde o povo segue roubando tudo o que encontra pela frente mas que no fundo os verdadeiros culpados são os maiores ladrões do mundo que são os políticos tupiniquins e os empresários corruptos que roubam tudo o que podem e fazem que os governos fiquem sem recursos em caixa.

Anônimo disse...

Na opinião de certos imbecis, existe "a PM" e "a população como um todo"... Existem os "médicos" e "a população como um todo"...Existem os professores, os funcionários dos necrotérios e os "garis da limpeza urbana"... e "a população como um todo", né?? Que azar: quem não faz parte da "população como um todo" está perdido no Brasil..."Policial, Professor, Médico, Gari, Funcionário de Necrotério"...ou "não faz parte da população como um todo"...ou "entrou nisso porque queria..ninguém obrigou".."não tá satisfeito, pede pra sair..."...Eu conheço esse tipo de discurso: Pior que tem gente que, SEQUER É VAGABUNDO PETISTA, e fala assim...é só um filho da puta mesmo, SEM ser petista....

Anônimo disse...

Ainda que o próprio vagabundo alcoolista Lula, a estelionatária esquizofrênica Dilma Rousseff, o cuspidor Jean Wyllys, Maria do Rosário e Luciana Genro venham EM PÚBLICO apoiar a Greve da PM do Espírito Santo, EU VOU CONTINUAR APOIANDO A GREVE DA PM porque a Greve da PM do ES não é "propriedade" da Esquerda Vagabunda e traficante de cocaína do Brasil.
O FATO DA ESQUERDA ASSASSINA APOIAR UMA GREVE NÃO QUER DIZER QUE A GREVE ESTÁ ERRADA !!!! É PURA TÁTICA E OPORTUNISMO DA ESQUERDA.

Anônimo disse...

Políbio, a sky se acertou canais voltam.

Apensar que estava melhor sem, os que substituíram são bem melhores.

Cambirella Cam disse...

Crimonoso é o salário que é pago aos policiais Senhor Editor. Porquê o Senhor não vai falar das benesses que são pagas à políticos bandidos e ao judiciário? Gostaria de ver uma matéria no seu blog sobre os inúmeros "auxílios" que os políticos bandidos e os juízes recebem mensalmente (auxílio moradia, auxílio para compra de livros, auxílio alimentação, auxílio mudança, plano de saúde Unimed ômega plus, recesso remunerado, licença prêmio, auxílio educação dos filhos...)
Publique alguma matéria sobre Senhor Editor.

Anônimo disse...

Essa situação começou em 2003, isso é a colheita do que foi plantado em todos esses anos.Esse pessoal da esquerda nunca gostou das policias militares, em vez de valorizar as policias e as Forcas Armadas sempre procuraram amarra-los em suas operações. Criaram Leis e N beneficios aos bandidos e seus familiares e para as policias e FFAA só pão e água e o pior que eles ainda se passam por bonzinhos.E o Congresso que não vota Lei da Maioridade Penal nem cumpre a Vontade do Povo,"ReferendodonDesarmamento"

Anônimo disse...

Não confio nas Associações, ligadas aos Sindicatos, subordinados às Centrais, que recebiam e ainda recebem Milhões anualmente do governo federal, e que são comandadas por JARARACA e o seu partido, o PT.!!!

Anônimo disse...

Uma greve contra o povo não pode prevalecer. Que paguem por seus atos, afinal criaram uma guerra com mais de 130 mortos.

Anônimo disse...

Uma greve contra o povo não pode prevalecer. Que paguem por seus atos, afinal criaram uma guerra com mais de 130 mortos.

Anônimo disse...

Raciocinemos:
Lá no Espirito do Santo,quem é mais covarde?
Os policiais que não conseguem passar por um bloco de mulheres,ou o governo que por covardia não os demite?
São todos farinhas do mesmo saco.Made in China.

Anônimo disse...

Tenho absoluta certeza que não são as esposas e mães dos policias militares do Espírito Santo que estão liderando a paralisação.
São mulheres da CUT e do PT!

Anônimo disse...

Criminoso é o salário pago a esses PMS que dão a vida para defender a sociedade. Isso sim é vergonhoso. Paguem-os bem para que tenham dignidade para viver ( eles e suas famílias) Diminuam o salário dos políticos que nada fazem pelo povo e dêem a eles. Se morrerem por uma causa. Morreram com dignidade.