Ex-secretário da Fazenda diz que Marchezan mente sobre dinheiro do Demae

O ex-secretário da Fazenda no governo de José Fortunati assegurou nesta quinta-feira que “não tem fundamento" a acusação contra o Dmae, de que teria aumentado a dívida do município por ter repassado R$ 140 milhões em 2016 à prefeitura.

É tudo mentira.

Trata-se de outro factoide de Marchezan.

Eroni Numer. o ex-secretário, explicou que o valor foi uma antecipação do pagamento de prestações do empréstimo, feito pela prefeitura junto à Caixa Federal, para obras do Dmae. Disse ainda que o órgão estava superavitário e por isso antecipou à prefeitura, em dois pagamentos, várias prestações do empréstimo de R$ 153,9 milhões, com vencimento no ano de 2032.