Empresa Absolut procura um novo nariz de "um bilhão de dólares"

A fábrica de vodca Absolut está buscando um provador, em tempo integral, para substituir Per Hermansson, há 35 anos no cargo, conhecido como “o homem do nariz de um bilhão de dólares". 

O candidato deve ser capaz de perceber diferenças minúsculas no sabor e no aroma entre doses de diferentes lotes da bebida. Segundo a imprensa especializada, ele está por trás de muitos produtos da empresa, que começou na Suécia e é controlada pela multinacional francesa Pernod Ricard. O dono do nariz mais precioso do mundo disse pertencer a um grupo limitado a 5% ou 10% da população que possuem um sentido de gosto e olfato extremamente desenvolvidos. 

Outro produto onde há a valorização destes profissionais é  na indústria do café onde. na Colômbia, Manuel Fernando Peña foi eleito em 2015 o melhor provador nacional de café. Segundo ele, "com o tempo se desenvolve tanto o sentido do paladar que é possível perceber os menores detalhes do que se come ou bebe".

2 comentários:

Anônimo disse...

O candidato ideal para provar vodka é o Lula.

Anônimo disse...

A bebida falsa no Brasil apelidada de "vodka", tudo na verdade não passando de álcool etílico (cachaça)desodorizado e acrescido de essência artificial de "vodka", nos obriga recorrer ao produto importado. Lula não bebe a porcaria nacional.