quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

ABIMAQ quer continuidade do Conteúdo Local de Bens

Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ) é totalmente contra a possibilidade de o governo acabar com o Conteúdo Local de Bens no setor de óleo e gás, o que traria, segundo a entidade, um grande prejuízo e efeitos nefastos para todo o País.

O presidente executivo da entidade, José Velloso, disse ser inaceitável acabar com o Conteúdo Local de equipamentos sem antes o Brasil eliminar a assimetria competitiva e o viés importador do Regime Aduaneiro Especial de Importação e Exportação de Bens Destinados à Pesquisa e Lavra do Petróleo e Gás, o chamado REPETRO.  Desde a 7ª Rodada de Licitações Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, em 2005, as operadoras fazem ofertas de compromissos de compras locais para cada item, com percentuais fixos. Uma média ponderada desses percentuais resulta no chamado “conteúdo local global”.

Nenhum comentário: