RS quer R$ 60 bilhões de atrasados da Lei Kandir

Embora o governo gaúcho evite falar publicamente sobre o assunto, é enorme seu interesse no cumprimento da decisão do STF, que mandou o Congresso Nacional aprovar em até 12 meses uma lei complementar estabelecendo novas regras para a União ressarcir os goernos estaduais e prefeituras pelas perdas da Lei Kandir, que isentou as exportações de produtos primários e semielaborados do recolhimento do ICMS.

Os governos estaduais querem não apenas compensações daqui para a frente, porque já reclamam atrasados.

O governador de Minas, Fernando Pimentel, PT, em nota enviada ao jornal Valor, disse que vai reclamar R$ 92 bilhões do governo da União.

Se o cálculo de Minas estiver correto, o governo do RS teria direito a pelo menos 60 bilhões.

A soma total do desembolso do governo federal chegaria a R$ 250 bilhões.

11 comentários:

Anônimo disse...



Mas para quem arrecada, todos os anos, em torno de 2 trilhões, dos impostos que pagamos, 250 bi é possível de retornar para os Estados de origem, aliás de onde nunca deviam ter saído.

Anônimo disse...

Mas podem criar uma nova lei para revogar a anterior e anular os efeitos daquela que foi extinta?

Anônimo disse...

Sabe quando os estados vão ver a cor dessa grana? No dia em que o Lulla virar um ser humano honesto...

Anônimo disse...

SARTORI DEVE PAGAR A DIVIDA COM GOV FED USANDO OS CREDITOS, O QUE ELES NÃO NOS PAGAM!!!O QUE ELES NOS DEVEM!!!

Anônimo disse...

Absolutamente correto !
Os estados ricos estão empobrecendo, tudo para manter o nordeste maravilha !

Anônimo disse...

Isso parece a indenização que a União deve à Varig.... Nunca vão pagar!

Anônimo disse...

Políbio,

Quando o dinheiro é "criado em árvores", pode saber que estamos a beira do precipício.

JulioK

Anônimo disse...

Não precisava ser tão pessimista!.

Unknown disse...

Finalmente!!!
Dá-lhe Sartori!!!

Anônimo disse...

Te vire, Sartori, porque não vai mais ter o dinheiro do Olivio - FORD - nem a repatriação, criada pela Dilma e que por sinal foi violentamente criticada por bloguistas de extrema direita que diziam que era para legalizar o dinheiro roubado e depositado no exterior

Anônimo disse...

O governo federal sempre agiu assim, deve e não paga, mas sabe cobrar. Fez isto também com a previdência da iniciativa, gastou o que não era seu e não pagou o que é devido por lei. E vamos cobrar de quem?