Polícia Federal investiga roubo de 29 mil cadastros de clientes da XP

A XP confirmou para a CVM que hackers conseguiram mesmo furtar dados cadastrais de 29 mil clientes.

Os dados incluem nome, CPF, números de telefones e e-mails.

Nas últimas semanas, os hackers passaram a mandar mensagens para os nomes da lista.

A XP diz que o objetivo dos bandidos é chantagear o principal acionista da empresa, Guilherme Benchimol, mas não explicou o tipo de chantagem, já que o caso está com a Polícia Federal.