Outra rebelião de presos assombra os brasileiros neste sábado. Desta vez o motim é no Rio Grande do Norte.

Os presos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na Grande Natal, se rebelaram na tarde deste sábado, segundo informou há pouco o site G1. Segundo o coordenador da administração penitenciária, Zemilton Silva, a rebelião é "de grandes proporções". O major Eduardo Franco, da comunicação da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, disse que o motim começou por volta das 16h30 e houve invasão de presos do pavilhão 1 no pavilhão 5. Ainda não há confirmação de fuga. Alcaçuz é o maior presídio do estado.

O chamado pavilhão 5 é o presídio Rogério Coutinho Madruga, que fica anexo à Alcaçuz, em Nísia Floresta. Há separação entre presos de facções criminosas entre esses dois presídios. A penitenciária de Alcaçuz tem cerca de 1150 presos e capacidade para 620 detentos, segundo a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc).

A repórter Michelle Rincon, da Inter TV Cabugi, está na área externa de Alcaçuz. Ela informa que há fumaça na parte interna, barulhos de tiros e de quebra-quebra no local.

8 comentários:

Arno Edgar Kaplan disse...

Começou...

sempre mais disse...

Manda a Presidente do Supremo pra lá. Rápido! Com eles ela exige rapidez! Coloquem a mulher dentro do presídio! Ela resolve a situação dos amigos.

Anônimo disse...

Certamente tem dedo do Foro se São Paulo aí.Daqui a pouco vem OAB, direitos dos mano", etc com mimimi.

Anônimo disse...

Estou até achando que a "revolução"para começar a limpa no Brasil vai iniciar nos presídios superlotados e no momento que chegar em Brasilia.....

Anônimo disse...

Não vou dormir de tão preocupado com estes homens em situação de vulnerabilidade social. Apelo a Maria do Rosário ir até lá apartar a briga.

Anônimo disse...

Que morram todos. Deveriam jogar algumas caixas de dinamite para dentro do presídio.

Anônimo disse...

Há bem mais por trás destas rebeliões do que simples guerras de quadrilhas. Há 7 meses atrás os presídios eram muito calminhos, parece que todos estavam bem satisfeitos com o Status Quo, pelo jeito recebiam tudo o que pediam , mas agora tem rebeliões por todos os lados, isto tem conotações político-criminosas como motivadores, querem elevar a insegurança a um nível máximo.

Anônimo disse...

Gostaria de ver a briga de outras duas faccoes - PT/PCdoB/PSOL vs PMDB. Mas please com mortes, que essa gente cadeia raramente ve.