Operador de Serra diz que o tucano recebeu R$ 23 milhões da Odebrecht em 2010

A Folha de S. Paulo de hoje revelou que Ronaldo Cezar Coelho confessou ter recebido 23 milhões de reais da Odebrecht para a campanha de José Serra, em 2010.

A Folha de S. Paulo disse que “a explicação de Coelho para os repasses está alinhada a depoimentos de executivos da empreiteira de que as transferências não envolveram o pagamento de propina”.

As explicações da Folha foram rebatidas esta manhã pelo blog Antagonista, que disse saber que a Odebrecht atrelou os pagamentos a José Serra à assinatura de determinados contratos quando foi governador e prefeito de São Paulo.

A Mãe de todas as Delações, a da Odebrecht, vai revela tudo em detalhes.

A Odebrecht tratava Serra com o apelido "Vizinho".

7 comentários:

Unknown disse...

O sistema eleitoral é totalmente viciado pelo patrocínio das empresas corruptoras dos políticos. Ninguém escapa!!! A melhor definição da política é "um grande baile de prostitutas onde se exige certificado de virgindade para participar"... temos é que vencer a hipocrisia e começar a ver as coisas de fato como são!!!

Anônimo disse...

opaaa, cade a galera do parcão e suas panelas ávidas.....ah não é corrupção do pt...deixa assim.....

Anônimo disse...

Como é que o editor engajado tem coragem de publicar uma nota que não atinge o PT e sim de seus protegidos? Vai ter que se "virar nos 30" quando a mãe de todas as delações vier à tona e atingir em cheio esse governo golpista do Temer.

Anônimo disse...

Petista adora apontar o dedo: viu? ele também faz! O fato é que, como petista, ninguém faz. São imbatíveis.
No entanto, o errado é errado. Não é "malfeito".

Mr. Lincoln disse...

Vai serginho!Isca!Isca!Isca!Pega!Pega!

Anônimo disse...

mimimi

Anônimo disse...

logo logo, cai no esquecimento e fica o dito pelo não dito....só se o JN falar uma meia hora sobre o assunto, senão....os paneleiros midiotizados não se importam